Reportar erro
Na polícia

MC Kevin é preso em flagrante em Pernambuco

Funkeiro furou bloqueio da polícia e foi perseguido

MC Kevin do Recife posado com óculos escuros
MC Kevin é preso em flagrante em Pernambuco - Foto: Reprodução
Redação NT

Publicado em 12/10/2021 às 18:12:28

Nesta terça-feira (12), MC Kevin do Recife foi preso em flagrante, após dirigir sem habilitação e desobediência. Segundo a Polícia Civil de Pernambuco, o músico não respeitou a ordem de parar o veículo em um ponto de de bloqueio da Polícia Militar e foi perseguido pelas autoridades de Paulista, cidade do Grande Recife. O cantor foi encaminhado para a delegacia, onde foi autuado e liberado após assinar um termo de compromisso, conforme informou o G1.

Nas redes sociais, o funkeiro pediu para não ser julgado pela ocorrência. "Obrigada todo mundo que se preocupou. Já estou em casa, já está tudo bem. Várias coisas que estão rolando aí, nem tudo que a galera fala é verdade. Da minha consciência, só Deus sabe", afirmou. "Só peço oração. E não me julguem sem saber do acontecido", escreveu.

Neste sábado (9), o funkeiro PK Delas foi detido em um blitz na autoestrada Lagoa-Barra, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. O cantor foi levado para a 16ª Delegacia de Polícia, localizada na Barra da Tijuca no início da tarde. O NaTelinha entrou em contato com a assessoria de imprensa do músico para saber detalhes do motivo da detenção do jovem, mas não obtivemos resposta até o momento.

Segundo a Quem, PK Delas foi liberado pela polícia por volta das 16h30. "Confirmamos a condução do MC na tarde deste sábado. Após ser parado numa blitz, o cantor precisou ser encaminhado a delegacia para prestar esclarecimentos. Após averiguação, PK foi liberado sem maiores complicações. Não houve registro de ocorrência e nenhuma denúncia comprobatória", diz a nota divulgada pela assessoria imprensa.

YouTuber é preso após se envolver com pirataria

Bill Omar Carrasquillo, mais conhecido nas redes sociais como Omi in a Hellcat, foi preso suspeito de promover pirataria na internet. O youTuber administrava uma plataforma que permitia que o usuário tivessem acesso a toda programação de TV a cabo de forma irregular. Segundo denúncias, o serviço chegou a movimentar mais de 30 milhões de dólares. Bill, que tem quase 800 mil seguidores em seu canal no YouTube, pode pegar até 514 anos de prisão.

Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Participe do grupo
TAGS:
Mais Notícias
Outros Famosos