Reportar erro
Ex-tutor

Pai de Britney Spears critica tribunal após decisão: "Decepcionante"

Jamie Spears não gostou da decisão

Britney Spears e Jamie Spears
Britney Spears e o pai Jamie Spears - Foto: Divulgação
Redação NT

Publicado em 30/09/2021 às 10:52:09

O pai de Britney Spears, Jamie, não gostou nada do resultado do tribunal que foi anunciado nessa quinta-feira (29). A Variety publicou uma nota por meio de sua equipe de advogados e criticou o tribunal, classificando a decepção como "decepcionante".

"Sr. Spears ama sua filha Britney incondicionalmente. Por treze anos, ele tentou fazer o que era melhor para ela, seja como conservador ou como pai. Isso começou com a concordância em servir como seu tutor quando ela voluntariamente optou por esta opção. Isso incluiu ajudá-la a reviver sua carreira e restabelecer um relacionamento com seus filhos", iniciou a nota.

De acordo com ele, quem já tentou ajudar um membro da família a lidar com problemas de saúde mental, pode imaginar as preocupações diárias. "Esses fatos tornam o resultado da audiência de ontem ainda mais decepcionante e, francamente, uma perda para Britney", criticou.

"Respeitosamente, o tribunal errou ao suspender o Sr. Spears, e colocar um estranho em seu lugar para administrar a sua propriedade e estender a mesma tutela que Britney implorou ao tribunal para que fosse encerrada. Novamente, foi o Sr. Spears quem tomou a iniciativa de arquivar a petição para encerrar a tutela quando nem o ex-advogado de Britney nomeado pelo tribunal, nem seu novo advogado privado fariam isso. Foi o Sr. Spears quem pediu ao tribunal na audiência de ontem para encerrar imediatamente a tutela, enquanto o atual advogado de Britney argumentou contra ela. Apesar da suspensão, o Sr. Spears continuará a zelar pelos melhores interesses de sua filha e a trabalhar de boa fé para uma resolução positiva de todas as questões."

Britney Spears

O fim da tutela de Britney Spears

Britney Spears está oficialmente livre da tutela do seu pai a partir desta quinta-feira (30). Jamie foi suspenso da posição de tutor, conforme ele havia desistido no início do mês, mas uma nova audiência estava marcada para acontecer somente em janeiro de 2022.

A Princesa do Pop, no entanto, pediu à Justiça dos Estados Unidos para que andasse rápido com o fim de sua tutela, e foi atendida prontamente por Brenda Penny. O contador John Zabel substituiu imediatamente Jamie.

Uma das razões que a cantora alegou para acelerar o fim da tutela é que ela não poderia assinar um acordo pré-nupcial com seu noivo, o modelo e atleta iraniano Sam Asghari. "Britney merece acordar de manhã sem ter o pai como tutor", disparou o advogado dela Matthew Rosengart em audiência ontem (29).



Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Participe do grupo
Mais Notícias
Outros Famosos