Reportar erro
Exclusivo

Antonia Fontenelle se defende de acusações de xenofobia: "Não sou preconceituosa"

Apresentadora repudiou ataques de internautas por comentário polêmico

Antonia Fontenelle olhando para o lado; Antonia Fontenelle beijando um pingente em formado de revólver
Antonia Fontenelle se defende de acusações de xenofobia - Foto: Reprodução
Redação NT

Publicado em 12/07/2021 às 19:38:00,
atualizado em 12/07/2021 às 19:47:42

Antonia Fontenelle se defendeu das acusações que vem sofrendo nas redes sociais, nesta segunda-feira (12), após fazer comentário sobre o caso de agressão de DJ Ivis à mulher, Pamella Holanda. A apresentadora está sendo criticada por internautas, que vem acusando a atriz de xenofobia, por usar a expressão "paraíba" para se referir ao DJ, que é nordestino. 

"Esses paraíbas fazem um pouquinho de sucesso e acham que pode tudo. Amanhã vou contactar as autoridades do Ceará para entender porque esse cretino não foi preso", escreveu Fontenelle, no comentário que foi criticado por internautas.

Em entrevista exclusiva para o NaTelinha, Fontenelle acredita que as críticas a ela não tem fundamento e que perfis no Instagram estão tentando abafar o caso grave de agressão. Ela ainda afirma que se sentiu incomodada com a repercussão de seu comentário polêmico.

"E se tem uma coisa que não sou é xenofóbica, preconceituosa, homofóbica... Como tentam me pintar"

Antonia Fontenelle

"Sempre incomoda ser acusada de algo que não condiz com a verdade, mas não foi a primeira e não será a última vez que serei alvo de ataques. O que me impressiona é ver esses perfis abafando um caso grave de agressão contra uma mulher indefesa e tentar inverter o jogo ou tirar o que de fato interessa. Óbvio que isso iria acontecer mais cedo ou mais tarde, afinal quem teve a coragem de encará-los e mostrar o quão sujos eles são? Eu", afirma a apresentadora.

Além de internautas, alguns famosos usaram as redes sociais para criticar o posicionamento de Fontenelle. Juliette e Elba Ramalho, por exemplo, postaram texto contra a atriz , mesmo não citando o nome da apresentadora. Apesar da polêmica, Fontenelle diz que não fez nada de errado e afirma que não tem preconceitos.

"Não costumo pedir desculpas por algo que não fiz. Sou nordestina e falo com propriedade, essa meia dúzia de pangarés que começa a ganhar dinheiro e aparecer nos programas de fofoca acham que são os reis da cocada e pensam que podem tudo, humilham, batem em mulher, furam filas... Vai no meu canal e você verá inúmeros casos nesse sentido", disse.

"Sou responsável pelo o que eu falo e faço, não pelo o que os outros entendem. Tenho dois maquiadores paraibanos, meu primeiro fã clube é da Paraíba, sou cheia de amigos paraibanos, e se tem uma coisa que não sou é xenofóbica, preconceituosa, homofóbica... Como tentam me pintar. A última que tentou aplicar pra cima de mim me acusando de algo que não me pertence se deu mal", lembra a apresentadora. Recentemente, Fontenelle venceu na Justiça o processo que Giselle Itié moveu contra ela por suposta xenofobia e racismo da apresentadora.

Antonia Fontenelle repudia agressão de DJ Ivis

Por fim, Antonia reiterou seu repúdio ao caso de agressão de DJ Ivis e avisou que nenhum homem ousaria levantar a mão para ela. "No dia que um vagabundo ousar tocar a mão em mim vai precisar me matar, do contrário minha legítima defesa será implacável. Esse agressor tem que ser preso e servir de exemplo, a cada segundo morre uma mulher vítima de violência nesse país, as leis precisam mudar, ser mais severas urgentemente", analisa.



Mais Notícias
Outros Famosos