Reportar erro
Polêmica

Anitta se manifesta após acusação de assédio moral contra equipe: "A cena é real"

Ela explicou que mandou o áudio para seus sócios

Anitta posando para a foto
Anitta é a estrela de série da Netflix - Foto: Reprodução
Redação NT

Publicado em 17/12/2020 às 15:51:00

Anitta usou os Stories do do Instagram nesta quinta-feira (17) para falar sobre suas atitudes com a sua equipe de trabalho. Em um trecho do documentário Made In Honório, da Netflix, a funkeira aparece aos gritos com colegas e utilizando palavrões por conta de problemas no figurino. O comportamento da cantora causou polêmica nas redes sociais e ela recebeu muitas críticas.

“Infelizmente [a cena] é real. Eu falei que na série eu mostrava qualidades e defeitos. Nessa cena, eu estou falando com meus sócios. São as pessoas que tenho para sair de mim, extravasar. São meus sócios há mais de sete anos. Nesse negócio, a culpa acabou caindo para mim, mas não foi bem assim a história. Eles inventaram um negócio de última hora, a gente não podia falar tanto do que realmente foi. A culpa caiu para dentro de mim, mas tudo bem”, comentou.

No quinto episódio, Anitta aparece muito irritada com as roupas definidas para a apresentação no Rock in Rio 2019, quando ela liga para equipe e dispara: "Eu tô cansada dessa palhaçada, toda vez é a mesma coisa. Ninguém deixa o André [Philipe, figurinista] trabalhar, aí depois eu me fodo".

"Quando eu chego aqui, não tem nada pronto. Quem resolve? Eu! Que enfio uma tora no meu c* e tenho que fazer sozinha! Agora eu quero falar pra vocês que eu vou enfiar no de vocês. Porque toda vez vocês falam que eu sou grossa, que eu sou escrota, então eu sou mesmo", disparou.

A postura de Anitta não foi muito bem vista por muitos internautas e ela recebeu críticas nas redes sociais. "Não é legal um chefe que manda um funcionário tomar no c*. É escroto e assédio moral", escreveu um perfil. "É feio homem ou mulher fazer isso. Não há espaço pra esse tipo de comportamento mais", comentou um segundo. "Que a Anitta reflita sobre seu comportamento, isso é muito feio", disse uma terceira pessoa.

Confira a repercussão:

Anitta e o estupro

No primeiro episódio, ela revelou que foi estuprada aos 15 anos de idade [tem 27 atualmente] e só parou de acreditar que a culpa do ato era sua há pouco tempo. Em depoimento, Anitta lamenta ter se colocado em relações abusivas.

“Quando eu tinha 14 pra 15 anos eu conheci uma pessoa e eu tinha medo dele. Ele era autoritário comigo, falava de forma autoritária. Eu não sei, eu era diferente quando adolescente, não era do jeito que sou hoje em dia”, iniciou.

“Quando cheguei lá eu realizei que não era certo eu fazer aquilo por medo nem nada. Eu falei que não queria mais, mas ele não ouviu. Ele não falou nada. Ele só seguiu fazendo o que queria fazer. Quando ele acabou, ele saiu, foi abrir uma cerveja, e eu fiquei olhando assim pra cama cheia de sangue”, acrescentou.



TAGS:
Mais Notícias
Outros Famosos