Pegou mal

Acusado de racismo, Haddad se justifica por polêmica envolvendo Casagrande e Robinho

Ex-candidato à presidência fez piada ao endossar palavras do comentarista sobre contratação do jogador pelo Santos

Acusado de racismo, Haddad se justifica por polêmica envolvendo Casagrande e Robinho
"Tem Casa Grande que vale a pena", escreveu Fernando Haddad no Twitter, em resposta ao comentário de Casagrande sobre Robinho - Foto: Montagem NT

Redação NT

Publicado em 17/10/2020 às 15:15:00

Ex-candidato à presidência, Fernando Haddad causou revolta nas redes sociais na madrugada deste sábado (17) ao compartilhar o discurso feito pelo comentarista esportivo Walter Casagrande, no Globo Esporte, sobre a contratação pelo Santos do jogador Robinho, condenado por violência sexual na Itália. Diante da má repercussão da postagem, o político filiado ao PT (Partido dos Trabalhadores) apagou o comentário e pediu desculpas.

"Tem Casa Grande que vale a pena", havia comentado Haddad junto ao vídeo, endossando as palavras do ex-jogador de futebol, atualmente contratado da Globo. A publicação, feita no Twitter, fazia um trocadilho com o sobrenome do comentarista e os locais de morada dos donos de escravo no Brasil no século XIX.

Por conta da brincadeira infeliz, a #HaddadRacista figurou entre os assuntos mais comentados do Brasil na rede social. Entre os tweets, o advogado e professor Thiago Amparo escreveu: "Seria importante o Fernando Haddad reconhecer o racismo recreativo praticado, pedir desculpas a todos(as) (e não só a quem se ofendeu), e dizer que a luta antirracista importa".

A publicação foi mencionada por Haddad no início da tarde. "Querido Thiago, quando retuitei o vídeo do Casão, pensei em ironizar a casa-grande. Errei e apaguei porque mesmo tendo intenção antirracista, não cabe ironia como uma dor que eu não senti, privilegiado que sou. Aprende-se. Estamos juntos", justificou o ex-prefeito de São Paulo.

Confira a publicação de Fernando Haddad:

Comentário de Casagrande sobre contratação de Robinho pelo Santos teve grande repercussão: "Não se pode inverter os valores"

O comentário de Fernando Haddad dizia respeito ao vídeo em que Walter Casagrande desabafa no Globo Esporte de sexta-feira (16). “Estou assustado com a sociedade brasileira, não é um apedrejamento do Robinho. É um apedrejamento da moral da sociedade brasileira, sabe?", disse.

"Não se pode inverter os valores. O Robinho está condenado com nove anos de prisão por violência sexual na Itália. Recorreu, mas nesse momento ele é condenado”, iniciou o ex-jogador, que também soltou o verbo sobre outras polêmicas que tomaram os noticiários brasileiros nas últimas semanas.

Confira o desabafo de Casagrande sobre a contratação de Robinho:


Siga o NaTelinha nas redes sociais

Reportar erro

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!