Amor antigo

Junno confessa paixão antiga por Xuxa: "Me olhava de um jeito..."

Ator relembrou encontro do casal nos anos 80

Junno confessa paixão antiga por Xuxa:
Junno contou que paixão por Xuxa vem de muito tempo atrás. Foto: Divulgação

Publicado em 24/12/2019 às 15:17:35

Por: Redação NT

Completando sete anos de relação com uma das mais importantes mulheres do Brasil, Xuxa Meneghel, Junno Andrade revelou que é apaixonado pela apresentadora desde os anos 80, quando os dois se conheceram quando ele se apresentava no Xou da Xuxa, mesmo demorando quase 30 anos para que pudessem ficar juntos.

Em entrevista para a revista Mensch, o ator que atualmente está no elenco de Malhação: Toda Forma de Amar, explicou que conheceu Xuxa no programa que ela tinha na Globo nos anos 80 e ali já sentia que os dois poderiam ter algum tipo de história de amor.

"Na verdade sempre me senti atraído por ela, desde novo, ela me olhava dentro dos olhos de um jeito que eu parecia ficar nu em sua frente, quando das minhas apresentações no “Xou da Xuxa”. Isso tinha ficado guardado em algum lugar dentro de mim, estava lá, esquecidinho…", confidenciou ele.

Junno disse que a relação só aconteceu quando os dois se reencontraram muito tempo depois, mas que a chama se reacendeu automaticamente quando ele ficou frente a frente com Xuxa.  "quando estava gravando a novela “Salve Jorge” na Globo, a produção do programa dela me chamou pra participar do “Memoria X”, um quadro dentro do programa, e quando olhei pra ela, ela pronta pra entrar e eu esperando ali atrás daqueles tapumes atrás do palco, veio tudo de novo, me apaixonei de novo, queria falar com ela, queria dar um abraço, deu uma saudade, sei lá", cravou.

Xuxa e Junno

E o ator fez questão de dizer que mesmo após tanto tempo de casamento, os dois não vivem um relacionamento gelado ou algo assim. Junno lembrou que é preciso exercitar a paixão para que nenhum dos dois entre na correria do cotidiano e transforme a vida numa chatice.

"Respeitar, aceitar, ouvir… transparecer… Acho que a cilada é deixar de namorar, o beijo não pode se tornar um recurso de despedida ou cumprimento, oi e tchau, tem que namorar, beijar na boca, manter a paixão acesa, pôr lenha", ensinou.




publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!