Sandro Nascimento
Reportar erro
Coluna do Sandro

CNN Brasil vive "clima de velório" com flerte de Bolsonaro e trocas na alta cúpula

Após saída de Douglas Tavolaro, canal deve anunciar novo CEO até o fim da próxima semana

Sala de comando da CNN Brasil
Mercado aguarda o anúncio do novo presidente da CNN Brasil
Sandro Nascimento

Publicado em 11/04/2021 às 13:02:55,
atualizado em 11/04/2021 às 20:12:53

Há 20 dias, desde que foi anunciada a saída do jornalista Douglas Tavolaro da presidência da CNN Brasil, o clima nos bastidores do novato canal de notícias é de insegurança, principalmente na alta cúpula. Profissionais que exercem cargo de comando e que foram levados por Tavolaro, por serem de sua confiança, estão preocupados com os novos rumos da CNN brasileira e temem por seus empregos. Existe a expectativa que o novo presidente altere alguns nomes e que ocasione efeito dominó em todos os setores. Além disso, mudanças editoriais também são aguardadas.

Para esses diretores, é natural que numa mudança de alto comando, como acontece na CNN Brasil, o novo profissional convide pessoas da sua insuspeição para ajudá-lo no gerenciamento. Esse cenário vem gerando um clima de velório dentro do canal. O maior temor destes jornalistas é a dificuldade de se realocar no mercado diante deste período de pandemia da Covid-19. Grande parte deste profissionais estão na emissora deste o início do projeto.

Enquanto não sai o novo nome para assumir o lugar de Douglas Tavolaro na presidência da CNN Brasil, internamente, a escolha virou uma bolsa de apostas. São citados diversos nomes, mas o novo profissional deverá ser uma mulher. A expectativa é que o anúncio ocorra até o fim da próxima semana.

Após saída de CEO, CNN Brasil ganha apoio de Bolsonaro nas redes sociais

Após a saída de Tavolaro da presidência, algumas sinalizações na CNN Brasil indicam uma aproximação editorial ao Governo Federal. Na última quarta-feira (07), Rubens Menin, dono do canal de notícias, esteve no jantar promovido por empresários em apoio a Bolsonaro, em São Paulo. Desde o último sábado (10), a CNN Brasil passou a exibir, além de todos dados referente ao vírus no país,  um levantamento feito por uma agência dos países que compõem o G20 na vacinação da Covid-19, algo inédita na emissora desde o início da cobertura da pandemia. O painel que dá ênfase que o Brasil está em quinto lugar em números de vacinados agradou o governo federal.

Logo após a exibição na CNN Brasil, o presidente Jair Bolsonaro (Sem partido) e o Ministro das Comunicações, Fábio Faria (PSD), compartilharam os dados em suas redes sociais. 

No dia 25 de março, a CNN Brasil comunicou ao mercado que Douglas Tavolaro estava deixando o cargo de CEO e passaria a se dedicar a projetos editoriais nos Estados Unidos. Ainda de acordo com a nota, ele vendeu sua participação societária para a família Menin, que passa a deter a totalidade do capital da CNN no país. O motivo que ocasionou a saída de Tavolaro ainda não é conhecido.

Aos 44 anos de idade, Douglas Tavolaro estava na CNN Brasil desde sua concepção no país. Antes disso, teve longa passagem pela Record, tendo começado como produtor de reportagens investigativas em 2004, passando a produtor executivo e editor do Jornal da Record e depois, editor-chefe do Repórter Record. Em 2009 foi promovido como  Vice-Presidente de Jornalismo da emissora, cargo que ocupou por 10 anos.

Mais Notícias