Reportar erro
Versátil

De jurado mirim de Silvio Santos a filme adulto: Mateus Carrieri antes de A Fazenda 2020

Carreira do ator é cheia de altos e baixos

Mateus Carrieri na cozinha de A Fazenda 2020
Mateus Carrieri em A Fazenda 2020. Reprodução PlayPlus
Luana Benedito

Publicado em 05/10/2020 às 07:03:06

Aos 53 anos, Mateus Carrieri é um dos peões de A Fazenda 2020. Discreto e apaziguador no reality show, o ator já viveu diversas polêmicas ao longo da carreira. De jurado mirim de Silvio Santos a ator de filme erótico, com passagens como galã de novela e um ensaio nu com o filho Kaíke, que abalou as estruturas e deu o que falar na primeira metade dos anos 2000. A vida pública do também educador físico e pai de três filhos é cheia de altos e baixos.

Afastado da TV desde 2014, foi Mateus quem pediu para integrar o time de A Fazenda 2020, como revelou o diretor do programa, Rodrigo Carelli, em entrevista exclusiva ao NaTelinha.

Conheça a história de Carrieri, que já foi chamado de traidor por Rodrigo Moraes, é considerado o “paizão” por diversos peões e faz Jojo Todynho suspirar, com direito até a crise de ciúmes em A Fazenda.

Jurado e galã na TV

Mateus iniciou a carreira na televisão cedo, aos 7 anos, no quadro Boa Noite Cinderela, do Programa Silvio Santos, onde era um dos jurados mirins que faziam perguntas para artistas e convidados. Na sequência, participou de diversas novelas e minisséries como Éramos Seis (1977) na extinta TV Tupi.

De jurado mirim de Silvio Santos a filme adulto: Mateus Carrieri antes de A Fazenda 2020
Mateus Carrieri como jurado mirim do programa Silvio Santos - Arquivo pessoal

Já adolescente, Carrieri despontava como galã na novela Amor Com Amor se Paga (1984), na Globo. Ainda na emissora carioca, participou das tramas De Quina para a Lua (1985), Salomé (1991) e Vira Lata (1996).

De volta ao SBT, o peão viveu um importante personagem no desfecho da primeira temporada de Chiquititas (1998). Na pele de Miguel, o ator apareceu na trama como o pai biológico de Mili (Fernanda Souza), a protagonista do folhetim.

Carrieri ainda fez participações em Amor e Revolução (2011) e Chiquititas (2014), sua última novela na TV. Nos palcos, o peão participou de diversas peças teatrais como Hair (1993), Replay (2000) e O Vendedor dos Sonhos (2019).

Casa dos Artistas

Mateus Carrieri  fez parte da primeira edição de Casa dos Artistas, do SBT. Se em A Fazenda 2020 o ator é calmo e na dele, no reality show na emissora de Silvio Santos a postura era um tanto quanto chiliquenta. Certa vez, ele discutiu com a cantora Patrícia Coelho enquanto tomavam sol e chegou a atirar uma cadeira reclinável para longe da piscina.

De jurado mirim de Silvio Santos a filme adulto: Mateus Carrieri antes de A Fazenda 2020
Mateus Carrieiri atira cadeira no reality Casa dos Artistas - Reprodução/SBT

“O fato de ficar no escuro, no sentido de não saber o que era aquilo, o deixou muito nervoso. Foi um personagem marcante. Existem pessoas da Casa 1 que não foram marcantes, mas ele foi, tinha uma função que era a do irritado", comentou Rodrigo Carelli, diretor de A Fazenda 2020 e também de Casa dos Artistas, sobre a postura de Carrieri.

As polêmicas, no entanto, não agradaram ao público e Mateus foi o sexto eliminado do reality show.

Nudez e ensaio polêmico

Mateus posou nu em quatro ensaios para extinta revista G Magazine, inclusive, em um deles fotografou ao lado do filho primogênito, Kaíke, em outubro de 2004.

Embora não tivesse nenhuma foto de nu frontal dos dois juntos, o ensaio causou muita polêmica. Mais tarde, em diversas entrevistas, Mateus classificou o ensaio como “equívoco” e confessou ter se arrependido do trabalho.

De jurado mirim de Silvio Santos a filme adulto: Mateus Carrieri antes de A Fazenda 2020
Mateus Carrieri e o filho Kaíke em ensaio para a revista G Magazine

Antes da edição de 2004 para a revista, ele já havia posado em fevereiro de 1998 e setembro de 2000. Em janeiro de 2006, o peão fotografou com Alexandre Frota para a edição comemorativa número 100 da G Magazine.

Filmes adultos

Após o último ensaio nu, Carrieri ousou e estrelou filmes adultos. Em 2006, ele participou do pornô Clube Prive, da produtora Brasileirinhas. No ano seguinte, Mateus protagonizou mais dois pornôs da produtora: Imperador e Fogosas e Perigosas, neste filme ele contracenou com Rita Cadillac (A Fazenda 6).

A carreira nos filmes adultos foi curta porque o ator se arrependeu. De acordo com Carrieri, ele parou de receber convites para a televisão após ter feito os pornôs.

Professor de academia

Formado em educação física, Mateus estava dando aulas em uma academia de São Paulo antes do confinamento. Nas redes sociais, ele compartilhava fotos e treinos de spinning, além de mensagens de apoio para uma vida saudável.

Entregador de comida

Durante a quarentena da pandemia da Covid-19, o peão fez um “bico” voluntário de entregador no restaurante de amigos enquanto as academias estavam proibidas de abrir. Ele compartilhou fotos dos deliveries no Instagram.

Mais Notícias