Confusão

Me ajuda aí, pô! Cinco vezes que Datena perdeu a paciência no ar

Apresentador é conhecido por seus 'pitis' na televisão


Datena apontando para câmera
Cinco vezes que o Datena perdeu a paciência no ar - Foto: Reprodução/Band

Não é todo mundo que consegue contornar uma situação desagradável, ainda mais quando a mesma acontece ao vivo para milhares de pessoas. Paciência é uma virtude e não são todos os apresentadores que a possui. Conhecido pelos seus 'pitis' com a produção do telejornal Brasil Urgente, da TV Bandeirantes, José Luiz Datena é um dos apresentadores que mais produziu momentos épicos sobre o tema na televisão brasileira.

Já está virando rotina nos bastidores do programa da Band as conversas sobre as crises de Datena. Volta e meia o apresentador se estressa e perde a compostura ao vivo. Confira as cinco vezes que o apresentador perdeu a paciência no ar:

1. Sem repórter no link ao vivo

Me ajuda aí, pô! Cinco vezes que Datena perdeu a paciência no ar

Durante uma das edições do policialesco, o apresentador perdeu a paciência com a produção após um repórter atrasar e perder a entrada ao vivo. Para contornar a situação, a produção do programa pediu para o apresentador ficar de pé e isso foi o estopim.

"Hã? Levantar um pouquinho? Pô, eu fico aqui 3h30. Eu levanto, mas eu fico aqui, pô... Levantar um pouquinho... Fico 3h30 aqui todo dia, tenho 64 anos de idade, que isso? Levantar um pouquinho... É brincadeira isso aí. Não tem repórter para falar da variante Delta lá no Rio de Janeiro, não? Tem? Se não, tem que ver o que significa variante Delta, aí", esbravejou.

2. Risada fora de hora

Me ajuda aí, pô! Cinco vezes que Datena perdeu a paciência no ar

Em outro momento, enquanto conversava com o Major Palumbo, do Corpo de Bombeiros de São Paulo, sobre um salvamento de pessoas na Selva do Mar, Datena reclamou com a equipe sobre um colega ficar rindo pelo ponto eletrônico. "Não sei se tem alguém contando piada, mas tem alguém rindo aqui. Se vocês quiserem contar aqui, dá pra fazer um show aqui", disse ele, que logo depois seguiu a conversa com o convidado.

3. Confusão por ausência de matéria

Me ajuda aí, pô! Cinco vezes que Datena perdeu a paciência no ar

Durante uma reportagem sobre as buscas de um guarda civil que estava desaparecido, o apresentador recebeu uma ordem pelo ponto eletrônico para mudar de tema, já que a matéria teria caído. Irritado com a mudança de última hora, Datena soltou os cachorros com a equipe:

"Caiu coisa nenhuma. Não é que caiu não, é que o cara sai, vai comer lanche… Mas não vem meter o pau na nossa equipe técnica que a nossa equipe técnica é a melhor do Brasil. Não digam isso pra mim não. Eu odeio quando falam que caiu o link quando não caiu", disse ele, estressado.

4. Ameaça de deixar o programa

Me ajuda aí, pô! Cinco vezes que Datena perdeu a paciência no ar

As brigas durante o jornal diário já virou rotina. Sobrou até mesmo para a diretora do telejornal, Debora Raposo. Datena gritou com ela durante a exibição de uma reportagem sobre a manifestação de funcionários da Educação da prefeitura de São Paulo. Ele estava terminando um pensamentos sobre política quando foi interrompido por Raposo.

Sem cerimônia, ele soltou o verbo: "Ô Débora, você deixa eu acabar o comentário ou vem aqui apresentar esse programa aqui. Estou terminando o meu raciocínio e está tudo ligado a isso, entendeu? Você recebeu um recado pra me dar pra eu parar de falar? Se recebeu eu vou embora daqui. Por que você falou no meu ouvido aqui? Recebeu algum recado?".

5. Sem apuração

Me ajuda aí, pô! Cinco vezes que Datena perdeu a paciência no ar

Os ataques por conta dos nervos à flor da pele não param por aí... Em uma ocasião, José Luiz Datena falava sobre o aumentos dos impostos sobre medicamentos e perdeu a paciência ao pedir alguns dados sobre o assunto. O jornalista gritou e disse ter pedido as informações há dias.

"Eu já pedi 15 vezes aqui o levantamento dos estados que mais cobram impostos sobre remédios. Nós fizemos? Nós fizemos isso ou não? 'Um dia'? Que produzindo, pô?! Faz 15 dias que eu pedi isso. Dá pra vocês levantarem o preço do remédio do mundo inteiro", esbravejou ele.

Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Participe do grupo
Mais Notícias