Reportar erro
Bateu o martelo

A Fazenda 13: Record define data de confinamento dos participantes

Reality show vai estrear no dia 14 de setembro

Adriane Galisteu fazendo sinal de coração
Adriane Galisteu vai apresentar A Fazenda 13 - Foto: Reprodução/Record
Redação NT

Publicado em 24/08/2021 às 14:35:00

Faltam poucas semanas para estreia de A Fazenda 13 e os participantes escalados já têm data para serem confinados. Os futuros peões terão que ficar isolados antes de entrarem na competição e a Record definiu o dia 3 de setembro para o início do protocolo.

De acordo com informações publicadas nesta terça-feira (24) pelo jornalista Flávio Ricco, a medida é necessária por conta da pandemia da Covid-19. A intenção da emissora é que todos estejam seguros e evitem qualquer tipo de contaminação, seguindo a mesma estratégia do ano passado.

A nova edição do reality show tem previsão de estreia para 14 de setembro e com encerramento para dezembro. Serão 21 participantes e Adriane Galisteu comandará 94 episódios da 13ª temporada da atração. A emissora promete novidades para o programa.

Uma delas é que A Fazenda 13 terá um programa de 45 minutos na Record News. Tudo ocorrerá ao vivo e a exibição ocorrerá logo após o fim dos episódios da produção na Record. O formato será uma espécie de debate, onde os integrantes darão suas opiniões do jogo.

Haverá também a apresentação oficial de Adriane Galisteu no dia 9 do mês que vem. A emissora também trabalha com a hipótese de revelar o nome de alguns participantes. A decisão deve ocorrer mais próxima da data.

Elenco de A Fazenda 13

imagem-texto

Em entrevista ao jornalista Celso Zucatelli no Link Podcast, Rodrigo Carelli revelou que o time de A Fazenda 13 está formado. “Acho que esse é o melhor elenco que a gente montou. Estamos em uma época em que os reality shows estão bombando mais do que nunca. As pessoas estão vendo vantagem ou tendo desejo de participar de um reality show mais do que nunca”, opinou.

“É fundamental que as pessoas queiram ganhar o prêmio. Não só a exposição, tem que ser gente que quer ganhar. Porque isso faz com que a dinâmica, a competitividade funcione. A razão de ser tem que ser chegar no final. Se fosse só a exposição se perde. Tem que ter a confusão”, acrescentou.

Mais Notícias