Reportar erro
Dados nacionais

Ibope: O que assistem os brasileiros fora do eixo Rio-São Paulo

Principais emissoras do país têm audiências distintas em regiões diferentes

Montagem de fotos, com a tela dividida em três com Cora, de império, personagem de Gênesis e Neymar comemorando gol
Globo, Record e SBT tem audiências no país todo. Foto: Montagem
Daniel César

Publicado em 04/07/2021 às 10:13:02

Quando se fala em Ibope automaticamente se pensa em audiência de televisão, mas quem acompanha este universo sabe que os dados mais explorados são, a priori, os de São Paulo - considerada a principal praça da Kantar, empresa que mede o desempenho das emissoras - e, com menor frequência, do Rio de Janeiro. Mas no total são 15 praças em que há medição de audiência e pouca gente sabe como é resultado das principais emissoras do país: Globo, SBT e Record. Muitos dos números são semelhantes, porém, há diferenças consideráveis em cidades como Manaus, Goiânia e Distrito Federal.

O NaTelinha fez um levantamento com base nos dados da Kantar Ibope, disponibilizado pela empresa e que se referem ao período de 21 a 27 de junho e o resultado indica que a Globo lidera em todas as Praças, tanto que o Jornal Nacional foi o programa mais sintonizado da TV aberta. Mas as dificuldades das novelas, como a queda de Império, também é notada através do desempenho em determinadas cidades. Os números são consolidados e se referem à média semanal, no caso de programas diários.

A tirar São Paulo e o Rio, o ranking mostra que o programa mais assistido da Globo foi o RSTV, de Porto Alegre, que alcançou 32,8 pontos de média em sua faixa noturna. A cidade, aliás, aparece mais duas vezes nas principais audiências nacionais da emissora com Salve-se Quem Puder, alcançando 31,1, Império, que ficou com 28,6 pontos e A Vida da Gente, que foi a 28,3 de média. Império, por sinal, vai bem em Belém (e a rima não é pobre), já que alcançou 32,7 pontos, ocupando a segunda faixa do ranking, que é completado pelo Jornal Nacional, ao marcar 28,3 em Curitiba.

E se a maior emissora do país nada de braçadas em pelo menos duas cidades da região Sul, ela encontra dificuldades em outras regiões e o melhor exemplo disso ocorre na reprise de A Vida da Gente na faixa das 18h, que tem números baixo em pelo menos três das quinze praças com medição. Ela atingiu média semanal de 18,9 pontos em Belo Horizonte, desabando para 12 em Goiânia e tendo números ainda menores no Distrito Federal, onde ficou com apenas 11,0.

Record

Ibope: O que assistem os brasileiros fora do eixo Rio-São Paulo

Se em São Paulo e no Rio a Record disputa a vice-liderança com o SBT e fica distante da Globo, em outras regiões ela consegue se aproximar mais do primeiro lugar, principalmente com Gênesis, que vai a 16,8 pontos em Salvador e 16 em Goiânia - cidades historicamente que costumam acompanhar as tramas bíblicas do canal. Um dos grandes destaques do canal ligado à Igreja Universal do Reino de Deus, no entanto, é o Jornal da Record, que ficou com 14,9 pontos em Salvador e 14,7 em Goiânia. Fechando o tripé do sucesso da emissora aparece o Domingo Espetacular, que pontua alto em Goiânia, com 15,3 de média e em Curitiba, com 14,1 pontos.

Por outro lado, um dos destaques da Record em São Paulo e também no Rio de Janeiro, o Cidade Alerta encontra dificuldades em outras praças e registrou as menores audiências entre as atrações que aparecem no ranking. O programa fechou com 3,7 pontos em Belém e no Recife e um pouco mais, 3,9, em Porto Alegre, muito abaixo dos dois dígitos que ele chega a marcar em algumas ocasiões nas duas principais praças.

SBT

Ibope: O que assistem os brasileiros fora do eixo Rio-São Paulo

Enfrentando dificuldades para emplacar grandes audiências e praticamente não conseguindo nenhuma atração com dois dígitos, o SBT vem se sustentando no país com a Copa América, o que pode ser um indicador do bom investimento do canal ao adquirir a competição quando ela deixou a Globo. O maior Ibope fora da Globo no país foi Brasil x Colômbia, que alcançou 19,2 pontos em Goiânia e 18,2 em Fortaleza. Os outros três maiores dados do canal na semana foram de Brasil x Equador, que alcançou 16 em Manaus, 15,8 pontos no Recife e 15,7 de média em Goiânia.

Em compensação, as novelas mexicanas, que estão segurando a onda na audiência em São Paulo e no Rio e se tornando destaques no ranking, derrapam em pelo menos uma praça do Ibope: Amores Verdadeiros marca apenas 2,3 pontos em Florianópolis e Coração Indomável fica com 2,7 na mesma cidade. Já Eliana sofre em Belém ao registrar média de apenas 2,6 pontos.

Mais Notícias