Reportar erro
Polêmica

Presidente da CBF diz que Globo quer a continuação do futebol e canal se manifesta

Emissora soltou nota para esclarecer o assunto

Logotipo da Globo (à esquerda) e Rogério Caboclo (à direita) em foto montagem
Caboclo disse que a Globo quer continuação do futebol - Foto: Montagem

Redação NT

Publicado em 23/03/2021 às 16:15:00,
atualizado em 23/03/2021 às 16:22:22

Presidente da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), Rogério Caboclo afirmou que a entidade não vai paralisar o futebol, porque esse também é um desejo da Globo, em reunião com mandatários dos times das séries A e B do Brasileirão no dia 10 de março. A emissora se manifestou e disse que tem seguido as orientações das autoridades e que a prioridade é pela saúde de todos. No último domingo (21), o canal não exibiu jogos do Campeonato Paulista – que foram paralisados –, mas voltará neste terça-feira (23), com transmissão do Premiere.

"Parar o futebol? Globo não quer, ninguém quer. Se parar, quando teremos a segurança de voltar? Nunca. Não vou ficar à mercê dos governadores. Eu vou mandar no futebol, vai ter futebol e vocês (clubes) estão f****** se não tiver. Eu assumo o ônus por todos vocês”, declarou o presidente da CBF aos dirigentes. O vídeo só vazou nesta terça, através do jornalista Venê Casagrande, do jornal O Dia.

A Globo repercutiu a notícia no seu site e garantiu que a emissora seguirá todas as recomendações das autoridades. O canal pede cautela e que a preocupação é que todos os envolvidos no futebol estejam protegidos.

“Como vem fazendo desde o início da pandemia há mais de um ano, a Globo segue respeitando as orientações dadas pelas autoridades competentes e acompanhando as decisões dos organizadores das competições. Entendemos que o momento é de cautela, e que a prioridade é a segurança de todos. Vamos seguir e respeitar todos os protocolos que forem definidos e decididos pelas entidades”, afirmou em nota.

Com o agravamento da pandemia da Covid-19 no Brasil, governadores e prefeitos estão proibindo temporariamente a realização de jogos de futebol. O governador de São Paulo, João Dória, determinou que partidas não devem acontecer no estado paulista até dia 30 de março, com chance de prorrogação.

A Federação Paulista de Futebol, para não atrasar o calendário, determinou que os clubes jogassem em outras cidades. O Corinthians enfrentará o Mirassol no estádio Municipal General Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, Rio de Janeiro. A partida terá transmissão do Premiere, a partir das 21h.

Confira o vídeo abaixo:

Posição da Globo e Casagrande

A fala de Caboclo sobre o desejo da Globo em continuar com o futebol – apesar da emissora não confirmar tal posicionamento em nota – vai na contramão do que tem defendido Walter Casagrande nos programas esportivos do canal.

O comentarista tem sido favorável pela paralisação do futebol, tanto que está sendo criticado por muitas pessoas. Porém, esse pensamento não é unânime na empresa. Paulo Vinícius Coelho, o PVC, tem sido favorável pela continuação do esporte, desde que siga os protocolos de segurança.

Mais Notícias