Reportar erro
Discurso

Sikêra Jr compara ação de governadores contra Covid com Ditadura Militar: "Tá muito pior"

Apresentador não citou as milhares de mortes causadas pela doença

Sikêra Jr. no Alerta Nacional
Sikêra Jr criticou as ações dos governadores - Foto: Reprodução/RedeTV!
Redação NT

Publicado em 16/03/2021 às 16:50:00

O apresentador Sikêra Jr publicou um vídeo no seu perfil do Instagram nesta terça-feira (16) para atacar os governadores que estão combatendo a propagação do novo coronavírus em todo o país. Ele chamou as atitudes dos chefes dos executivos estaduais de “ditadura” e afirmou que hoje está muito pior do que no período militar (1964-1985). Apesar de mais de duas mil mortes diárias por causa da Covid-19, o jornalista ignorou tal fato e apenas focou na questão econômica do país.

“Eu nasci em 1966. Sou velho. Eu vi e ouvi o que era a tal ‘ditadura militar’, que alguns artistas e intelectuais falam, ‘mamadores’ do dinheiro do povo, do ‘golpe’ de 1964, na Intervenção Militar. Hoje, o que está acontecendo no Brasil, tá muito pior. É incomparável”, iniciou.

“Hoje, o brasileiro, o cidadão de bem, tá encurralado. Ou ele perde o emprego ou ele passa fome. Ou ele obedece o estado e abaixa a cabeça e estende a mão pra receber esmola ou ele tá lascado. É isso, vocês não entenderam ainda?”, disparou o apresentador do Alerta Nacional.

Sikêra Jr. criticou o Consórcio de governadores, criado para poder adquirir vacinas, por conta dos problemas do Governo Federal com as farmacêuticas para adquirir as doses dos imunizantes. “Consórcio de governadores? Isso é lindo demais”, ironizou.

“‘Vamos montar um consórcio, a gente aqui compra as vacinas’. Fiquem atentos! Por que não [compra] federal? ‘Porque a gente pega o dinheiro do governo federal, gasta’. É uma sacanagem atrás da outra. Mas continuem esperando quem vai para o paredão nesta semana, que é um grande futuro”, detonou.

Ele encerrou o desabafo dizendo que a situação ficará muito pior com as ações dos governadores. “Quando estiver atrás do seu cachorro pra comer ou alguém comer o seu cachorro e o seu gato, aí já é tarde”, encerrou.

Sikêra Jr e a Covid-19

Em julho do ano passado, Sikêra foi um dos convidados do Mega Senha, da RedeTV!, e relembrou como foi seu processo de recuperação. O comunicador admitiu que sentiu muitas dores e chegou a pedir para morrer, porque não estava suportando os fortes sintomas.

“Estava andando com um cilindro de oxigênio. No 14º dia eu pedi para morrer, arranquei tudo que estava comigo e disse: ‘Não quero mais viver'”, contou o jornalista. Passado o tempo, ele voltou a soltar fake news sobre a doença.



TAGS:
Mais Notícias