Reportar erro
Novo normal?

Pay-per-view do Campeonato Carioca falha e revolta torcedores

Novo modelo de transmissão não obteve êxito na primeira rodada

Logotipo do Campeonato Carioca
Campeonato Carioca aposta em novo modelo de transmissão - Foto: Reprodução
Redação NT

Publicado em 04/03/2021 às 14:54:00,
atualizado em 04/03/2021 às 15:03:18

O novo modelo de transmissão do Campeonato Carioca não agradou os torcedores de Flamengo, Vasco e Botafogo na primeira rodada da competição. Muitas pessoas assinaram pacotes de PPV oferecidos pelos clubes, contudo, entre terça (2) e quarta-feira (3), quando o trio entrou em campo, houve problemas para acessar as plataformas disponibilizadas pelas agremiações. Vasco e Flamengo reconheceram as dificuldades, enquanto o Botafogo não se pronunciou.

“Tô desde 17:45 tentando entrar no site, paguei 130 reais pra não conseguir ver o jogo”, reclamou um torcedor do fogão. “Queria estar assistindo, mas a minha FlaTv mais caiu e não volta”, disse um flamenguista. “É sempre isso: vocês pedem a ajuda do torcedor, mas não conseguem retribuir o mínimo”, disparou um vascaíno.

Os clubes usaram as redes sociais para explicar quais os motivos da instabilidade das suas plataformas. “O Clube de Regatas do Flamengo informa que a transmissão do jogo Flamengo x Nova Iguaçu, realizada pela FlaTV+, está sendo prejudicada por um ataque de grandes proporções aos servidores da plataforma, tendo como origem diversas regiões do Brasil”, iniciou o Flamengo.

“O ataque planejado se iniciou minutos antes do jogo começar, após duas horas de pré-jogo sem qualquer problema. Mesmo com todas as precauções tomadas para que esse tipo de problema não ocorresse, a ação coordenada que está em curso é bastante forte e provavelmente profissional”, continuou.

“Durante uma hora, foram bloqueados aproximadamente 900 ataques (de um total de quase 9 mil, que continuam ocorrendo) e, às 21h51, a AWS (Amazon) também sofreu ataques e saiu do ar devido ao mesmo problema”, acrescentou.

O Vasco alegou que o problema foi a alta demanda de torcedores. “Seguimos reconfigurando as vendas devido ao grande acesso simultâneo. Seguiremos fazendo o possível para restabelecer as vendas”, postou o clube carioca.

Todos os times que estão disputando o Campeonato Carioca foram autorizados a venderem pacotes de PPV individuais. Cada clube oferecerá o serviço para transmissão dos jogos e o torcedor pagará a quantia definida pelas instituições, podendo quitar à vista ou parcelar em até quatro vezes.

Confira a repercussão:

Campeonato Carioca na Record

Além do PPV, o Campeonato Carioca também poderá ser visto pela Record. Os jogos serão transmitidos para o Rio de Janeiro e cerca de 15 estados do país. A emissora terá direito a escolher um jogo por rodada, exibindo às terças-feiras e sábados, sempre na faixa noturna.

A Record venceu a concorrência contra Globo e do SBT, pagando R$ 11 milhões. A emissora carioca ofereceu cerca de R$ 45 milhões para transmitir o campeonato na TV aberta, TV fechada e no PPV. Já o canal de Silvio Santos teria oferecido R$ 10 milhões.

Mais Notícias