Reportar erro
Ao vivo

CNN Brasil reforça fim de noite e estreia jornal para concorrer com a GloboNews

É guerra! CNN lança novo programa ao vivo no mesmo dia que a concorrente retoma os gravados

Muriel Porfiro apresentará o Agora CNN
A apresentadora Muriel Porfiro, que apresentará o Agora CNN - Foto: Kelly Queiroz/CNN Brasil
Redação NT

Publicado em 04/03/2021 às 10:35:10,
atualizado em 04/03/2021 às 14:50:09

CNN Brasil lança na próxima segunda-feira (8) o programa Agora CNN, com apresentação da jornalista Muriel Porfiro, ao vivo. De segunda a sexta-feira, entre 23h30 e 01h30, a atração irá reforçar o hard news da emissora com os principais assuntos do noticiário quente. A novidade vem como uma estratégia para combater a GloboNews, que no mesmo dia retornará com programas gravados no fim de noite, como de Miriam Leitão, Roberto D'Ávila e o Papo de Política.

Além das últimas notícias, o Agora CNN também contará com a análise dos colunistas e informações dos repórteres. "A extensão do horário do hard news sempre foi muito desejada pelo nosso público conforme constatamos em pesquisas recentes. Será uma forma também de valorizar o conteúdo jornalístico ao vivo do canal diante dos concorrentes no segmento", afirma Douglas Tavolaro, CEO e sócio-fundador da CNN Brasil.

"Essa mudança acontece em um momento importante para nós justamente no mês que completamos um ano desde a estreia", acrescentou o executivo, que vê a CNN Brasil comemorar seu primeiro aniversário em 10 dias.

O Agora CNN será uma nova opção para o telespectador que busca notícia ao vivo no fim de noite, já que a GloboNews retornará com seus programas gravados na faixa das 23h30, que estavam suspensos desde março do ano passado, época em que explodiu a pandemia do coronavírus e, coincidentemente, também o lançamento da CNN Brasil.

A cada dia da semana, o canal de notícias da Globo voltará com um programa diferente, entre eles GloboNews Miriam Leitão, Roberto D'Ávila, Papo de Política - com Andreia Sadi, Maju Coutinho, Natuza Nery e Júlia Dualib - e o Globo Repórter. Na sequência, o Jornal GloboNews - Edição da Meia-Noite seguirá normalmente, promovendo então uma disputa de hardnews com a CNN.

A guerra entre CNN Brasil e GloboNews

A CNN Brasil completa um ano no dia 15 de março consolidada e na briga de audiência e relevância com a GloboNews. Além da TV, com várias contratações recentes como Márcio Gomes, Carla Vilhena e Gloria Vanique e a estreia de programas, a marca lançou em setembro o projeto CNN Rádio, em parceria com a Rede Transamérica, para levar conteúdo jornalístico para 196 cidades brasileiras.

Em outubro, criou uma nova unidade de negócios dentro de sua estrutura: a CNN Eventos. Seguindo o modelo consolidado realizado pela CNN americana, o projeto vai realizar fóruns, summits e debates para diversos segmentos do mercado.

O próximo passo é o lançamento de uma plataforma de streaming com programas próprios comandados por nomes como Márcio Gomes e Vanique, que foram contratados junto à Globo já com esse propósito.

TAGS:
Mais Notícias