Reportar erro
Premiação

Órfãos da Terra quebra tabu e vence o Emmy Internacional; programa de Gugu perde

Globo volta a vencer na categoria novela depois de quatro anos

Montagem com Gugu Liberato e protagonistas de Órfãos da Terra
Globo voltou a vencer o Emmy Internacional em novelas com Órfãos da Terra - Foto: Montagem
Naian Lucas

Publicado em 23/11/2020 às 14:26:51

Depois de quatro anos sem trazer a principal estatueta mundial em telenovelas, o Brasil voltou a ser o dono do Emmy Internacional. Na tarde desta segunda-feira (23), a Academia divulgou os vencedores da premiação em 2020 e Órfãos da Terra foi eleita a vitoriosa, fechando um ciclo em que conquistou praticamente todos os prêmios internacionais. Por outro lado, o Brasil não conseguiu levar outras categorias, inclusive com o Canta Comigo, de Gugu Liberato, mas além da novela das seis da Globo exibida no ano passado, o país se manteve como o dono da estatueta na categoria comédia com Ninguém tá Olhando, produzida pela Netflix Brasil.

Diferente de anos anteriores em que o Emmy Internacional acontecia durante o horário nobre e com direito aos indicados participando do evento em Nova York, por causa da pandemia do coronavírus a festa foi cancelada e o anúncio dos vitoriosos foi feito de forma virtual no início da tarde. Uma das últimas categorias, Órfãos da Terra recolocou o país no topo das novelas no mundo, lugar que não era ocupado desde 2016, quando havia vencido com Verdades Secretas.

De lá para cá, a Globo só havia sido indicada no ano seguinte na categoria telenovela com Totalmente Demais e Velho Chico, mas nunca mais conseguiu sequer emplacar indicações na categoria de telenovelas. Em 2020 parecia favas contadas o tabu porque Órfãos da Terra já vinha abocanhando as principais premiações e que são uma espécie de prévia do Emmy Internacional.

Ninguém tá Olhando vence o Emmy Internacional

Órfãos da Terra quebra tabu e vence o Emmy Internacional; programa de Gugu perde
Ninguém ta Olhando foi protagonizado por Kéfera - Foto: Divulgação/Netflix

Embora o Brasil não tenha feito a festa na cerimônia, Órfãos da Terra não foi a única a conseguir uma estatueta. A  série de comédia Ninguém tá Olhando, protagonizada por Kéfera e Projota, também venceu em sua categoria e manteve a Netflix Brasil como a dona do prêmio, já que no ano passado a empresa havia vencido pelo Especial de Natal do Porta dos Fundos.

Mesmo tendo vencido um prêmio deste quilate, Ninguém tá Olhando não conseguiu emplacar no Brasil e o serviço de streaming cancelou a produção depois de apenas uma temporada. A alegação foi de que a série não atingiu os índices de audiência esperados e que por isso ela seria descontinuada.

Canta Comigo perde o Emmy Internacional

Órfãos da Terra quebra tabu e vence o Emmy Internacional; programa de Gugu perde
Canta Comigo, comandado por Gugu Liberato, não venceu o Emmy Internacional - Foto: Divulgação/Record

Pela primeira vez, a Record conseguiu emplacar um programa no Emmy Internacional, mas não foi dessa vez que a emissora pôde comemorar uma vitória. O Canta Comigo, último programa comandado por Gugu Liberato, não conseguiu vencer o prêmio e acabou derrotado para uma atração australiana.

O game show musical, que chegou a ir para o ar em seus últimos episódios depois da trágica morte de Gugu há um ano, foi derrotado por Old People's Home for 4 Years Old, mas a indicação já foi motivo de comemoração pela Endemol no Brasil.

Além do Canta Comigo, também não conseguiram vencer o principal prêmio internacional da TV mundial a atriz Andrea Beltrão, que havia sido indicada por Hebe. Ela se juntou a Raphael Logan, indicado por Impuros e que também não conseguiu abocanhar a vitória e pelo telefilme Elis, outro indicado e que não verá a estatueta, pois saiu derrotado, assim como o Refavela, único indicado da HBO Brasil e que não conseguiu vencer na categoria Programa de Arte.

Mais Notícias