Reportar erro
O fim

Manhattan Connection se despede no ar e Diogo Mainardi brinca: "É fraude"

Programa deixa o Grupo Globo após quase três décadas

Elenco do Manhattan Connection
Manhattan Connection: Quase 30 anos de história - Divulgação/GloboNews
Redação NT

Publicado em 23/11/2020 às 09:59:18

O programa Manhattan Connection se despediu da GloboNews nesse domingo (22) depois de 27 anos no ar. Produzido de maneira remota desde março por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), o jornalístico estava desde 2011 no canal de notícias e antes, desde 1993 no canal GNT. Os integrantes Lucas Mandes, Caio Blinder, Diogo Mainardi, Ricardo Amorim e Pedro Andrade não economizaram nas despedidas.

Mainardi fez uma analogia ao presidente derrotado nos Estados Unidos, Donald Trump: "Eu sou igual ao Trump, eu fui chutado e eu me recuso a sair daqui. É fraude. Vai voltar em 2024? Acho que não. Vai voltar em 2021, a gente vai tentar a reeleição já já, o programa está há tanto tempo no ar que ele tem direito a um usucapião televisivo". Segundo o site O Antagonista, que tem Diogo como um dos seus sócios, o Manhattan pode ir parar na TV Cultura.

Ainda na atração de despedida, ele também disse: "Entrei aqui há 17 anos, era um rapaz monossilábico, petulante, e agora sou um velho falastrão e broxante, eu melhorei". Segundo Lucas Mendes, eles têm que agradecer muito, e relatou que passou 42 anos no Grupo Globo, sendo os primeiros 15 como repórter.

"Eu escrevia pra revista, eu não sabia conversar com uma câmera, fazer um stand-up. O primeiro que eu fui fazer, de dois minutos, queimei 30 minutos de filmes. Os outros 20 anos passei nesta bancada, que foi uma sugestão minha, mas nunca tinha feito programa de bancada, de roteiro. Quando caímos na grade do GNT, fomos socorridos pelo Schroder [Carlos Henrique]. A minha maior gratidão é com vocês, a nossa audiência, e com essa bancada, com a turma que trabalha conosco na engenharia, na produção, mas vocês e essa querida bancada", prosseguiu.

Caio também pediu a palavra e relembrou que quando o programa começou há 27 anos, muitos prédios em São Paulo não tinham cabo: "Meus pais iam à casa de amigos e parentes que tinham TV paga".

O fim do Manhattan Connection

O diretor de jornalismo Ali Kamel enviou uma nota oficial à imprensa anunciando o fim do programa. Em longo texto, o diretor de jornalismo da Globo fez questão de agradecer aos membros do programa e contou um pouco da história do Manhattan Connection relembrando que a atração entrou no ar em 1993 e passou parte na GNT antes de migrar em definitivo para a GloboNews, onde permaneceu no ar desde 2003, nas noites de domingo do canal de notícias.

"O programa praticamente se confunde com a história da TV por assinatura no país", disse Kamel. Oficialmente não houve uma explicação para a saída do jornalístico do Grupo Globo.

Mais Notícias