Biden x Trump

Jornal da CNN, com William Waack, explode no Ibope com cobertura de eleições nos EUA

No YouTube, emissora também alcançou seu recorde

 Jornal da CNN, com William Waack, explode no Ibope com cobertura de eleições nos EUA
William Waack apresenta o Jornal da CNN - Divulgação/CNN Brasil

Redação NT

Publicado em 04/11/2020 às 12:30:32

O Jornal da CNN, apresentado por William Waack na noite dessa terça-feira (3), fez com que a CNN alcançasse um dos maiores índices de audiência desde a estreia do canal, em 15 de março. O telejornal fez uma cobertura especial da eleição presidencial americana, disputada entre Donald Trump e Joe Biden.

continua depois da publicidade

No horário que compreende entre 21h59 e 22h30, o telejornal obteve uma média 0,7 ponto no PNT (Painel Nacional de Televisão), segundos dados prévios do Ibope, ficando à frente de canais abertos como a Band e RedeTV! no universo PayTV.

No dia 19 de março, quatro dias depois da estreia do canal no Brasil, o jornalístico também alcançou 0,7. Os números se repetiram em 24 de abril e 2 de maio.

continua depois da publicidade

CNN na cobertura ao vivo das eleições americanas

O canal contou com um esquema especial, que mobilizou repórteres e analistas espalhados por todos os Estados Unidos, trazendo detalhes da disputa em primeira mão.

Além disso, a CNN Brasil apostou ainda em uma parceria com a CNN americana, utilizando toda a estrutura, dados e imagens geradas pela emissora. Foi a primeira vez que esse modelo de colaboração foi usado na televisão brasileira.

Com isso, o telespectador pode conferir gráficos e mapas exclusivos sobre a apuração dos votos, atualizados minuto a minuto. Além da TV, a CNN Brasil alcançou seu melhor desempenho dos últimos seis meses, com quase nove milhões de alcance.

continua depois da publicidade