Home-office

CNN Brasil monta estrutura exclusiva na casa de William Waack com tela de 75"

Novidade agradou o jornalista, longe dos estúdios por fazer parte do grupo de risco

CNN Brasil monta estrutura exclusiva na casa de William Waack com tela de 75
Casa de William Waack recebeu telão, iluminação e teve melhora no sinal do áudio - Reprodução

Fabrício Falcheti

Publicado em 24/10/2020 às 17:17:46 ,
atualizado em 24/10/2020 às 23:38:38

A CNN Brasil montou uma estrutura exclusiva na casa de William Waack, para ele seguir participando das atrações do canal. Desde março em esquema de home-office por fazer parte do grupo de risco do coronavírus, o jornalista de 68 anos agora contará com uma tela de LED de 75 polegadas como fundo, apresentando sequências de imagens em movimento nas cores azul, vermelho e branco com o logotipo da CNN.

A estreia da novidade aconteceu no último dia 15 de outubro no Jornal da CNN. Além da tela, houve também uma iluminação especial para o local, dando a impressão de que o apresentador havia voltado para o estúdio - o que ainda não aconteceu.

Segundo apurou o NaTelinha, o resultado no ar foi muito elogiado por William e pela direção do canal de notícias. O âncora também ficou bastante animado porque a equipe da CNN Brasil ainda conseguiu melhorar a qualidade do sinal de áudio, melhorando o retorno para Waack conversar com o estúdio.

continua depois da publicidade

O novo aparato também foi utilizado na cobertura do debate entre Donald Trump e Joe Biden, na última quinta-feira (22), e seguirá no Jornal da CNN, que William Waack apresenta de casa, enquanto Roberta Russo fica no estúdio da emissora em São Paulo.

O veterano ainda não tem qualquer previsão de voltar à sede da CNN, ainda mais num momento em que vários nomes da casa testaram positivo para Covid-19, como Monalisa Perrone, Gabriela Prioli, Leandro Karnal e Marcela Rahal.

CNN Brasil se reforça

Nesta semana, a CNN Brasil surpreendeu o mercado com a contratação de dois jornalistas da Globo. Márcio Gomes e Glória Vanique foram anunciados como parte do novo projeto de expansão da marca, com uma plataforma de streaming, ampliando a presença multiplataforma da empresa no Brasil.

continua depois da publicidade

A debandada de profissionais da emissora carioca para o canal notícias foi facilitada pela mudança no modelo de vínculo que a Globo vem implantando em todos os seus setores, passando de contrato de pessoa jurídica (PJ) para pessoa física (CLT). Com isso, não existem multas milionárias de rescisão.


Siga o NaTelinha nas redes sociais

Reportar erro

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!