Reportar erro
Mais dois

Marcela Rahal é afastada da CNN Brasil com Covid-19; Rafael Colombo fica em observação

Estima-se que 30 funcionários da CNN Brasil já contraíram o vírus

Rafael Colombo e Marcela Rahal
Rafael Colombo e Marcela Rahal estão com coronavírus - Foto/Montagem
Thiago Forato

Publicado em 20/10/2020 às 11:52:44

Os jornalistas Marcela Rahal e Rafael Colombo, que são casados, foram afastados de suas funções na CNN Brasil na última segunda-feira (19). O motivo? Rahal testou positivo para o novo coronavírus (Covid-19). Já Colombo está em observação. A emissora, em contato com o NaTelinha, confirma o afastamento, mas os profissionais não se manifestaram sobre o diagnóstico.

Marcela substituiu Mari Palma no Live CNN Brasil, e apresenta o programa ao lado de Phelipe Siani. Antes, cobria o Palácio dos Bandeirantes e fazia entradas ao vivo, por vezes, no Visão CNN, logo no começo da tarde.

Ela é casada com Rafael Colombo, que, por precaução, também foi afastado e aumentou a tensão entre os funcionários do canal com a onda de contágio da doença. O jornalista deixou o Grupo Bandeirantes depois de 20 anos no mês de maio para integrar o casting da CNN Brasil.

Casos de Covid-19 aumentam na CNN Brasil

Na última semana, Monalisa Perrone, Gabriela Prioli e Leandro Karnal haviam testado positivo e foram afastada de suas funções. Estima-se que o número de funcionários infectados seja de aproximadamente 30.

O teste positivo de Monalisa surpreendeu os colegas, já que ela fez o Expresso CNN um dia antes de ser afastado. A advogada Gabriela Prioli revelou o diagnóstico em suas redes sociais: "Não consigo disfarçar, vocês estão vendo minha foz, eu estou toda entupida. Eu testei positivo para coronavírus. Eu fiquei pensando se eu contava ou não contava, porque sei que ia deixá-los preocupados".

Outros profissionais como Daniel Adjuto, Luciana Barreto e Mari Palma, por exemplo, precisaram se afastar de seus respectivos programas após o diagnóstico nos últimos meses. Dezenas de produtores e editores também foram infectados desde o início das atividades da emissora, em 15 de março.

Mais Notícias