Deu ruim

Roubo, agressão e bronca: Os repórteres que foram surpreendidos ao vivo

Na TV nem tudo sai como o planejado

Roubo, agressão e bronca: Os repórteres que foram surpreendidos ao vivo
Confira os imprevistos de repórteres durante o ao vivo na TV - Foto: Reprodução

Publicado em 20/07/2020 às 13:07:56

Por: Redação NT

A TV ao vivo é um momento em que tudo de mais inusitado e curioso pode acontecer. No Brasil ou em qualquer lugar do mundo a regra é a mesma, mas em alguns casos a situação sai do controle e os repórteres acabam surpreendidos.

O NaTelinha separou alguns dos momentos mais inusitados que já aconteceram nas mais diferentes emissoras do Brasil.

Confira:

Desmaio ao vivo

Tainá Reis, repórter da TV Aratu, afiliada do SBT em Salvador, passou por um sufoco durante transmissão ao vivo na última semana. Ao fazer uma pergunta para o governador do estado, Tainá passou mal e desmaiou.

Os apresentadores Pablo Reis e Cassimiro Neto não perceberam a gravidade da situação e até perguntaram no ar o que havia acontecido, sem uma resposta imediata.

Repórter roubada

A repórter Bruna Macedo foi completamente surpreendida durante uma entrada ao vivo para a CNN Brasil na manhã de um sábado no mês passado. 

Bruna informava sobre a chuva em São Paulo quando foi abordada por morador de rua que a ameaçou com uma faca. A repórter entregou os dois aparelhos de celular que tinha.

Bolsonaro na Globo

César Tralli, âncora do SP1, precisou interromper o link ao vivo que fazia com o repórter Renato Peters. O profissional teve a transmissão invadida por uma mulher.

Ao tomar o microfone das mãos do repórter, a mulher não perdoou e disparou xingamentos contra a emissora carioca. Também sobrou tempo para elogios para Jair Bolsonaro.

Empurrada em rebelião

A repórter Larissa Carvalho viveu um dos piores momentos da sua vida durante transmissão ao vivo para a Globo News. A profissional foi agredida e não teve reação.

Enquanto passava informações sobre a rebelião do presídio em Ribeirão das Neves, em Minas Gerais, quando foi empurrada por uma mulher e foi ao chão.

Bronca internacional

Alan Severiano estava bem tranquilo durante conversa ao vivo com Sandra Annenberg no Jornal Hoje, em 2015, quando levou uma bronca internacional.

O repórter informava sobre o acidente que aconteceu em uma linha de trem quando foi abordado por policial em viatura, que pediu para ele se retirar do local.





LEIA TAMBÉM

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!