Reportar erro
Programação

SBT tira Casos de Família do ar, e público reclama com Christina Rocha

Silvio Santos decidiu esticar Triturando, nova versão do Fofocalizando

Christina Rocha
Christina Rocha, apresentadora do Casos de Família
Paulo Pacheco

Publicado em 08/05/2020 às 18:55:54

No dia da estreia do Triturando, o SBT resolveu "triturar" o Casos de Família. O substituto do Fofocalizando (estrelado pelo robô Fofobyte) ficou no ar durante mais de duas horas, ocupando o horário da atração comandada por Christina Rocha.

O NaTelinha apurou que Silvio Santos ordenou o prolongamento do Triturando, até 17h30, entregando o horário para as novelas mexicanas. Como a partir de hoje o programa só tritura notícias e músicas, o programa ficou cansativo e chegou ao quarto lugar de audiência em São Paulo.

Chris Flores, Gabriel Cartolano, Lívia Andrade e Mara Maravilha gastaram uma hora da programação do SBT avaliando músicas dos anos 40 e 50, escolhidas a dedo por Silvio Santos, enquanto o novo programa perdia para Globo, Record e Band.

Silvio tem assistido ao programa de fofocas durante a quarentena e toma decisões em cima da hora, preocupando os funcionários. Na última quinta, por exemplo, determinou a troca do nome da atração, obrigando a equipe de identidade visual a produzir novas vinhetas da noite para o dia.

Quem ficou sem entender a mudança foi o público que esperou ver Casos de Família. Mesmo com reprises, o programa de barracos costuma levantar a audiência herdada pelo Fofocalizando.

Telespectadores indignados perguntaram para Christina Rocha por que a atração não foi ao ar. Enquanto o Triturando estava no ar, ela publicou um vídeo comemorando os 11 anos à frente do Casos de Família, sem explicar o sumiço na programação.

Procurado, o SBT informa que o Casos de Família retornará na segunda-feira, como consta na programação oficial divulgada pela emissora.

Mais Notícias