Chocante

Daniella Perez: Fábio Assunção revela que visitou Guilherme de Pádua na prisão

Par de Daniella Perez na novela, ele fez questão de ouvir a história da boca do assassino


Fábio Assunção durante documentário sobre assassinato de Daniella Perez
Fábio Assunção confirma que visitou Guilherme de Pádua na prisão após morte de Daniella Perez - Foto: Reprodução/HBO Max
Por Daniel César

Publicado em 21/07/2022 às 21:14:00,
atualizado em 25/07/2022 às 20:32:19

O documentário Pacto Brutal, que conta a história do assassinato de Daniella Perez (1970-1992), lançado nesta quinta-feira (21), pela HBO Max, apresentou muitas revelações, até então desconhecidas do grande pública. Uma delas é que Fábio Assunção visitou o assassino Guilherme de Pádua logo depois da prisão e ouviu da boca dele a confissão do crime, segundo o próprio ator confirmou na série.

Enquanto Raul Gazolla teve uma crise nervosa e causou uma verdadeira quebradeira na capela do cemitério ao saber que Pádua foi o assassino, Fábio Assunção explicou que teve a oportunidade de falar com o criminoso logo após a prisão em flagrante ter sido decretada, ainda durante o velório da filha de Glória Perez. O ator era par romântico de Daniella na novela De Corpo e Alma (1992) e, consequentemente, rival de Bira, vivido por Guilherme de Pádua.

"Quando eu acordei eu fui à delegacia e falei com o delegado e perguntei: 'você tem certeza?' e ele respondeu: 'ele confessou, você quer falar com ele?', disse Fábio durante seu depoimento para o documentário. Ele fez a revelação durante o segundo episódio da série, o último liberado nesta quinta-feira pela HBO Max, que ainda não disponibilizou todo o conteúdo para o público.

Fábio Assunção e o assassino de Daniella Perez

imagem-texto

Ainda no documentário, Fabio Assunção, contou como foi o encontro com o assassino de Daniella Perez dentro da prisão. "Eu entrei na cela, eu tava incrédulo. tinham duas camas de solteiro, ele tava do lado de lá na ponta, eu sentei na outra e ele olhou pra mim e falou: 'eu acabei com a minha vida'", narrou o ator, que se tornaria um dos grandes nomes das novelas brasileiras e está escalado para Todas as Flores, de João Emanuel Carneiro, para o Globoplay e que tem previsão de estreia para novembro.

O ator confirmou que ficou chocado com a declaração de Guilherme de Pádua. "Veja você a coisa egoica, ele tirou a vida de uma pessoa e ele acha que acabou com a vida dele", lembrou emocionado ao se referir ao fim trágico de Daniella Perez.

Assassino de Daniella Perez preso

imagem-texto

Segundo a série, a prisão em flagrante do assassino durou poucos dias e, pouco depois, a defensa entrou com recurso e conseguiu a liberdade provisória, sob a alegação de que o flagrante foi considerado ilegal.

Mesmo assim, alguns dias depois, Pádua teve sua prisão preventiva decretada, mas permaneceu algum tempo foragido até se entregar. O documentário mostra o momento em que ele chega à delegacia, que está lotada e quase é linchado. Nas imagens da série é possível ver Maurício Mattar e Alexandre Frota tentando acalmar a multidão, lembrando que justiça com as próprias mãos não era o caminho e que o assassino finalmente seria preso, julgado e condenado.

Pacto Brutal relata como a defesa tentou acusar apenas o intérprete de Bira e salvar a pela de Paula Tomás, que acabou sendo presa pouco tempo depois, mesmo estando grávida. O segundo episódio mostra todos os esses fatos, tendo duração de 56 minutos, pouco menos que uma hora liberada para o primeiro episódio. A série tem um total de cinco episódios e os próximos três serão liberados semanalmente pela HBO Max.

Podcast Dupla de 2

Fabrício Falcheti e Sandro Nascimento levam em um bate-papo descontraído sobre os assuntos da televisão e famosos, com muitas informações de bastidores em primeira mão; confira

Ouça agora
Mais Notícias