Reportar erro
Vem aí

Novo especial de Natal do Porta dos Fundos sai da Netflix e vai para outro streaming

No entanto, grupo faz mistério sobre novo destino

Gregório Duvivier e Fábio Porchat
Especial de Natal venceu o Emmy Internacional 2019 - Foto: Reprodução/Netflix
Redação NT

Publicado em 25/08/2020 às 09:26:00

O apresentador Fábio Porchat finalizou o roteiro do especial de Natal do Porta dos Fundos e agora o grupo se prepara para gravar a produção a partir do mês que vem. A produção é vencedora do Emmy Internacional 2019 e foi protagonista de uma enorme polêmica no ano passado, quando cristãos não gostaram do fato de Jesus ser homossexual e ter um namorado.

De acordo com informações publicadas nesta terça-feira (25) pela colunista Patrícia Kogut, do jornal O Globo, o especial não estará no catálogo da Netflix desta vez. A produtora fechou com outro serviço de streaming, mas está guardando segredo. Procurado pelo NaTelinha, o Porta dos Fundos não se manifestou. Caso se pronuncie sobre o assunto, a reportagem será atualizada.

O especial se tornou uma tradição do grupo e causou muita polêmica no ano passado por conta da exibição do episódio A Primeira Tentação de Cristo. No enredo, Jesus (Gregório Duvivier) volta para a sua casa, após uma viagem de 40 dias no deserto, para comemorar seu aniversário de 30 anos.

Ele chega acompanhado de Orlando (Porchat) e apresenta aos familiares. Os diálogos não são claros, mas há muitas insinuações de que os dois têm um relacionamento amoroso. Claro que todas as situações são cercadas de muito humor.

Após seu lançamento, religiosos fizeram notas de repúdio contra o especial e criaram um abaixo-assinado, pedindo que a Netflix retirasse a atração do seu catálogo. Poucos dias depois, a Justiça do Rio ordenou a retirada do especial do ar, mas o Supremo Tribunal Federal derrubou a decisão.

Prestígio e ataque

Novo especial de Natal do Porta dos Fundos sai da Netflix e vai para outro streaming

Toda polêmica ocorreu no período que o grupo tinha levado o Emmy Internacional, na categoria comédia, pelo especial de 2018. Premiados, foi gerada uma grande expectativa para o episódio do ano passado.

Com religiosos revoltados, na véspera de Natal, a sede da produtora do Porta dos Fundos, localizada no Rio de Janeiro, foi alvo de um ataque por um grupo extremista. Eduardo Fuzi assumiu ser o líder do atentado e ele segue foragido na Rússia.

Mais Notícias