Histórias

De Marielle Franco a Anitta: Os documentários brasileiros para maratonar no inverno

Globoplay lançou recentemente documentário sobre o médium João de Deus

De Marielle Franco a Anitta: Os documentários brasileiros para maratonar no inverno
Marielle Franco e Anitta foram temas de documentários - Foto: Montagem

Publicado em 25/06/2020 às 07:43:00

Por: Redação NT

O Globoplay lançou na última terça-feira (23) o documentário Em Nome de Deus, abordando o sucesso e o declínio do médium João de Deus, condenado por assédio sexual a mulheres que eram suas clientes. Esse formato tem se popularizado no streaming e o público pode acompanhar nas plataformas séries como Marielle Franco, Vai Anitta e Democracia em Vertigem.

O NaTelinha separou cinco documentários brasileiros que estão no Prime Video, Netflix e Globoplay para que os assinantes conheçam um pouco mais histórias de personalidades conhecidas do grande público.

Confira:

Marielle Franco

O documentário acompanha a trajetória da política que era filiada ao PSOL e se tornou vereadora em 2016. A produção mostra detalhes das investigações e quais respostas pessoas que eram próximas a Marielle buscam em relação ao assassinato dela e do seu motorista, como por exemplo, a identidade do mandante do crime.

Todos os seis episódios da série documental estão disponíveis no Globoplay e foi a primeira produção feita pela equipe de jornalismo do canal exclusiva para a plataforma de streaming. Seu primeiro episódio passou na televisão e marcou 13 pontos de audiência.

Ainda em 2020, o Grupo Globo confirmou que está produzindo uma série fictícia de Marielle Franco, que terá responsabilidade do diretor José Padilha – conhecido por Tropa de Elite, Narcos e O Mecanismo – para contar a história da ex-vereadora.

Até o fim

O documentário mostra imagens dos bastidores, vestiários e arquibancadas do título do Flamengo na Taça Libertadores da América de 2019. A atração exibe passo a passo da conquista do clube brasileiro do campeonato mais importante da América do Sul, fato que não ocorria com o time desde 1981.

Na época em que a produção foi lançada no Globoplay, o Flamengo foi o time escolhido pela Globo para passar nas noites de quartas-feiras na competição continental para todo país, mas atualmente as duas partes estão em pé de guerra por conta dos direitos de transmissão do Campeonato Carioca.

Democracia em Vertigem

A história do documentário brasileiro, que foi lançado no ano passado pela Netflix, é sobre os bastidores do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff, em 2016. Na época, a petista deixou o cargo após ser afastada pelo Congresso e deu espaço a Michel Temer, acusado pela oposição de ter aplicado um golpe nos bastidores políticos.

O filme, indicado ao Oscar de 2020, em si vem sofrendo todo tipo de comentários entre o público brasileiro. Desde que foi lançado, o documentário recebe elogios de quem é mais alinhado ao espectro da esquerda política brasileira, enquanto é alvo de duras críticas de membros da direita conservadora.

Até Pedro Bial se posicionou em relação ao trabalho de Petra Costa em Democracia em Vertigem. O apresentador da Globo não gostou da produção e criou polêmica nas redes sociais, mas deixou claro que considera a diretora uma boa cineasta e com outros trabalhos interessantes.

Tudo ou Nada: seleção brasileira

A plataforma por streaming Amazon Prime Video acompanhou a seleção brasileira durante a Copa América do ano passado e mostrou no documentário os bastidores da conquista. A série exibe o dia a dia da equipe dentro e fora de campo, até o momento que culminou na vitória sobre o Peru e na conquista da taça.

Foi também a primeira vez que a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) abriu suas portas para um documentário com acesso ao time nacional e oferece uma visão da trajetória do técnico Tite e dos jogadores como Neymar - cortado dias antes da estreia da Copa América -, Dani Alves, Philippe Coutinho, Thiago Silva e Gabriel Jesus durante a competição.

Produzida pela Pitch International e com apoio de bigBonsai, "Tudo ou Nada: Seleção Brasileira" (All or Nothing: Brazil National Football Team) foi a primeira edição de língua não-inglesa da série "All or Nothing".

Vai Anitta

A produção lançada em 2018, pela Netflix, mostra os bastidores da turnê da cantora pelo Brasil e de seus shows pelo mundo, além de acompanhar um pouco da vida pessoal de Anitta e de seu contato com os fãs. “Sabe aquela expressãozinha que a gente usa: 'a minha vida está tão louca que daria uma série'? Pois é. A minha deu”, disse a funkeira na época.

O documentário demorou para ser lançado, porque a artista teve depressão no período. “Eu tive uma crise de depressão muito grande, eu não conseguia gravar e ficar com a câmera. Fiquei três, quatro meses assim. Minha equipe sabia e esperou eu melhorar para dar continuidade no projeto”, relatou. Apesar do atraso, o projeto foi bem sucedido e foi uma das produções brasileiras mais assistidas naquele ano.





LEIA TAMBÉM

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!