Precisa crescer

Pantanal vira ponte de salvação para a Globo reagir no Ibope

Emissora está empolgada e com altas expectativas para a trama


Alanis Guillen segurando uma espingarda em cena de divulgação de Pantanal
Novela Pantanal virou trunfo da Globo - Foto: Reprodução/Globo
Por Daniel César

Publicado em 05/01/2022 às 05:41:00,
atualizado em 05/01/2022 às 10:39:28

O remake de Pantanal é muito mais do que recontar uma novela icônica e representa uma virada importante para a dramaturgia da Globo. A cúpula do canal faz alta aposta para a produção de Bruno Luperi, baseada na obra de Benedito Ruy Barbosa e com direção de Rogério Gomes, não só para bons índices de audiência. A ideia é que a novela protagonizada por Alanis Guillen irá ajudar toda a programação do canal a reagir no Ibope.

No momento, a Globo vive uma maré baixa em praticamente todos os horários, muito disso por conta dos fracassos de quase todas as suas obras. De O Clone, no Vale a Pena Ver de Novo, até Um Lugar ao Sol, todas as produções de dramaturgia da emissora estão abaixo do que as faixas costumam dar. A exceção é O Cravo e a Rosa, que inaugurou um novo horário e conseguiu recuperar a liderança para o canal.

Embora haja preocupação e um sinal amarelo por conta dos baixos índices da faixa nobre, não existe desespero. Frustrada com os números de Nos Tempos do Imperador e de O Clone, a Globo já esperava um desempenho baixo para Quanto Mais Vida, Melhor! e Um Lugar ao Sol, por conta do período que as duas novelas estrearam, no mês de novembro, período de baixo desempenho da audiência.

Diante disso, nos corredores do canal a espera é uma só: a estreia de Pantanal. Prevista para a segunda quinzena de março, o remake da obra icônica da extinta TV Manchete, a novela terá a responsabilidade de recuperar os números do principal horário da casa, que está estacionado em 22,7, o mais baixo da história. Ninguém fala em números, mas há um consenso de que a trama pode superar os números de Amor de Mãe (2019), que fechou acima dos 30.

Pantanal é a salvação

Pantanal vira ponte de salvação para a Globo reagir no Ibope

A direção da Globo acredita muito no potencial de Pantanal, a tal ponto de ajudar o restante da programação. A crença geral é de que, com bons números, a novela irá alavancar, no mínimo, a novela das 19h, o JN e a atração que vem logo a seguir, no caso o BBB22. Embora o reality show tenha vida própria e também haja expectativa para bom desempenho, todos concordam dentro do canal que receber acima dos 30 pontos é fundamental para mais uma temporada de sucesso.

Com a novela 'pegando' para o público, a Globo espera que o folhetim alavanque o restante da programação, inclusive atrações como o Domingão, que receberá o elenco da trama para divulgar os trabalhos. Existe um acerto para que o cast transite por várias produções da casa, como o Encontro e o Mais Você, tudo para que o sucesso passe para outras áreas, daí o tamanho da responsabilidade.

Pantanal é a nova Globo

Pantanal vira ponte de salvação para a Globo reagir no Ibope

Nos corredores da Globo também se fala da importância de Pantanal, pois a novela é um recado da nova direção da emissora carioca. Menina dos olhos de Ricardo Waddington, o remake só vai ao ar porque o atual chefão do entretenimento brigou muito e por isso ele entende que é fundamental mostrar o seu selo, uma obra de sucesso em audiência e com prestígio.

A ordem de Waddington foi não economizar, tanto que a produção virou milionária. Vale tudo para fazer Pantanal bombar, por isso haverá um marketing agressivo para alcançar os resultados. A novela é a nova Globo e precisa mostrar isso para o público, mercado publicitário e crítica. Essa é a ordem. Agora, um fracasso, pode melar todos os planos.

Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Participe do grupo
Mais Notícias