Reportar erro
Chegou hoje

Novela Roda de Fogo tem capítulo "perdido" no Globoplay

Plataforma não conseguiu incluir o episódio 90

Logotipo de Roda de Fogo
Roda de Fogo foi incluída no catálogo do Globoplay - Foto: Reprodução
Redação NT

Publicado em 26/04/2021 às 14:53:00,
atualizado em 26/04/2021 às 15:19:14

Lançada no catálogo do Globoplay nesta segunda-feira (26), a novela Roda de Fogo (1986-87) não foi disponibilizada de forma completa aos assinantes. Isso porque a Globo não conseguiu recuperar o capítulo 90 da trama de Lauro César Muniz e Marcílio Moraes e colocou um comunicado informando sobre o ocorrido na plataforma.

“Não foi possível recuperar o capítulo 90”, diz o aviso nas descrições dos capítulos dos dias 5 e 8 de dezembro de 1986. Por conta disso, quem for assistir ao folhetim, terá que pular o episódio e seguir para os outros que aparecem na sequência.

O enredo de Roda de Fogo gira em torno de Renato Villar (Tarcísio Meira), um rico empresário sem escrúpulos e como muita ambição, que é capaz de fazer qualquer coisa para alcançar o poder. Depois de ter remetido dólares para fora do Brasil e ter participado do assassinato do seu amigo Celso Rezende, o executivo descobre um dossiê de irregularidades numa de suas empresas.

Ele tenta solucionar o problema e se aproxima da juíza Lúcia Brandão (Bruna Lombardi), uma profissional com a honestidade acima de qualquer suspeita. Porém, Renato tem como objetivo suborná-la, mas acaba se apaixonado por ela. Um diagnóstico de um tumor cerebral faz com que Renato dê uma reviravolta em sua vida, modificando seu comportamento com pessoas próximas.

Novela Roda de Fogo tem capítulo \"perdido\" no Globoplay

Curiosidades de Roda de Fogo

A história de Roda de Fogo surgiu através de uma sinopse de um grupo de autores da Casa de Criação Janete Clair. Dias Gomes, Ferreira Gullar, Euclydes Marinho, Luiz Gleiser, Joaquim Assis, Marília Garcia e Antônio Mercado estavam entre os envolvidos.

A produção foi ao ar logo após o fim da Ditadura Militar, mas o governo federal ainda ordenou o corte de cenas e diálogos, já que existia a Censura Federal na época. Porém, a trama fez muito sucesso e chegou a ser vendida para cerca de 40 países, como Alemanha, Canadá, Itália, França, entre outros.



Mais Notícias