Reportar erro
Nostalgia

Elenco de Pantanal ficará em fazenda da primeira versão

Pantanal deve ir ao ar ainda em 2021; gravações começam em abril

Elenco de Pantanal ficará em fazenda da primeira versão
Fazenda de Pantanal e Alanis Guillen, a Juma do remake - Divulgação

Redação NT

Publicado em 03/03/2021 às 10:57:33,
atualizado em 03/03/2021 às 11:15:11

O remake de Pantanal, que a Globo prepara ainda para 2021, vem ganhando ainda mais contornos. Segundo o jornal Extra desta quarta-feira (3), uma equipe de produtoras já está no Mato Grosso do Sul e apenas aguarda a chegada dos diretores da trama originalmente escrita por Benedito Ruy Barbosa. Ao todo, a equipe visitará três cidades na região, começando por Aquidauana, a 140 quilômetros da capital do estado, Campo Grande.

No próximo final de semana, ainda, a equipe se deslocará até Corumbá, localizado no coração do Pantanal. Há um mês, o prefeito de Aquidauana esteve em uma reunião virtual com produtores da novela para acertar a logística das gravações, que devem começar em abril.

Por quatro meses, a equipe toda técnica vai morar na região. De Campo Grande até as locações, são cerca de oito horas de estrada. Para facilitar a vida da equipe, eles estarão em Aquidauana, onde está localizada a Fazenda Rio Negro.

Propriedade é de dono de banco

A propriedade é pertencente à André Esteves, sócio de um banco que comprou milhares de hectares no Pantanal há 10 anos. A locação é a mesma que serviu como pano de fundo para a fazenda de José Leôncio da TV Manchete (1983-1999). Em 2005, serviu como cenário da novela América, escrita por Gloria Perez.

A fazenda está às margens do Rio Negro e numa área de preservação ambiental e comporta apenas 80 pessoas. Isto é, a produção terá que encontrar um lugar para se hospedar nas redondezas. Há 31 anos, quando a novela foi gravada, os atores ficaram isolados enquanto estiveram na fazenda, o que ocorreu por aproximadamente um ano.

A nova Juma de Pantanal: Alanis Guillen

Alanis Guillen será a nova Juma Marruá no remake de Pantanal e a atriz, que não era o plano A da equipe de trabalho, teve um padrinho peso pesado e que ajudou na decisão final pelo nome da atriz pelo icônico papel. A protagonista de Malhação: Toda Forma de Amar foi muito elogiada e a escolhida por ninguém menos que o chefe de Entretenimento da Globo, Ricardo Waddington, que ficou impressionado com o teste apresentado por ela.

O nome de Alanis já circulava como a favorita para o papel desde o início de janeiro, conforme havia antecipado o NaTelinha com exclusividade e foi confirmado na última quarta-feira (24) pelo jornalista Flávio Ricco. Mas ela não foi a primeira a ser pensada para o papel e o Plano A de Rogério Gomes, o Papinha, diretor da novela e também de Bruno Luperi, o autor, era ninguém menos que Bruna Marquezine.