Reportar erro
Enganou direitinho

Quando me Apaixono: Fina provoca Regina após sentença

Vilã engana júri e cumprirá pena em hospital psiquiátrico

Fina com olhar diabólico
Fina se livra da cadeia e arma nova vingança em Quando me Apaixono - Reprodução/SBT
Taty Bruzzi

Publicado em 10/12/2020 às 06:26:00

Nos próximos capítulos de Quando me Apaixono, sai a sentença de Josefina (Rocio Banquells). Considerada com distúrbios mentais, a mãe de Roberta (Jessica Coch) será condenada a cumprir pena em um hospital psiquiátrico. A decisão do juiz deixa a família Monterrubios inconformada. A começar por Regina (Julieta Rosen), que é quem mais tem sofrido nas mãos da megera. As duas se encaram no tribunal e a vilã provoca sua desafeta com uma piscadinha.

Presa após tentativa de assassinato contra Gonzalo (René Casados) e sua noiva, Fina será trancafiada em uma cela enquanto aguarda ao julgamento pelos crimes cometidos.

Paciente do manicômio feminino e que fica em frente à penitenciária, Branca (Magda Karina) sugere a ex-cunhada de Constanza (Lourdes Munguia) que se faça de louca para escapar da prisão. A assassina de Rafael (Sebastián Zurita) aprova a ideia e durante depoimento agirá como se fosse Regina.

O advogado de defesa pede uma avaliação psiquiátrica e o juiz concorda em retomar o julgamento somente quando o resultado dos testes saírem. Fina conseguirá enganar os médicos e o laudo constará que ela sofre de distúrbios mentais e agiu durante surtos psicóticos.

Acreditando que a madrasta de Renata (Silvia Navarro) não estava em seu juízo perfeito quando cometeu os delitos, o juri determina que Josefina cumpra pena em um manicômio feminino. A decisão deixará os Monterrubios revoltada. Antes de sair do tribunal, a megera pisca para Regina em sinal de deboche. Saiba mais!

Em Quando me Apaixono, Fina se livra da cadeia e debocha de Regina

Nos próximos capítulos de Quando me Apaixono, Fina consegue convencer os médicos que sofre de problemas mentais e se livra da prisão. A vilã será condenada a cumprir pena em um hospital psiquiátrico e vai rir dos seus inimigos.

Presa depois de tentar matar Gonzalo e Regina, a mãe de Roberta encontra Branca, que está internada no manicômio feminino que fica em frente à prisão. A rival da mãe de Renata é quem aconselha a assassina de Rafael a fingir que não estava em seu juízo perfeito quando cometeu os crimes.

A mãe de Roberta dará seu depoimento como se fosse sua desafeta e convencerá o advogado de defesa, e o juiz, a ser submetida a uma avaliação médica. Ela manterá a farsa da dupla personalidade até o julgamento e se livrará da penitenciária.

A decisão do júri deixará a família Monterrubios revoltada. Regina cai no choro ao lado de Constanza e Inês. Afinal, a mulher de Gonzalo é quem mais foi prejudicada pela vilã.

De repente, Fina olha na direção de sua desafeta e dá uma piscadinha em sinal de deboche. “Como os especialistas podem ser enganados por ela?”, questiona a mãe de Renata, inconformada.

“Você acha que isso é um adeus, mas é apenas um até logo, Regina. E para o resto dos Monterrubios!”, pensa alto a assassina de Rafael antes de ser encaminhada para o manicômio.

Chegando ao hospital, os policiais tiram as algemas de Josefina. Branca vem receber a nova moradora e a parabeniza pelo feito. Em seguida, elas começam a planejar a vingança contra Constanza e Regina.

A sequência vai ao ar em breve na novela do SBT.


Fique por dentro dos próximos capítulos de Quando me Apaixono e outras produções acessando o canal de Novelas do NaTelinha.

Quer saber mais? Confira o resumo semanal da novela Quando me Apaixono de 07/12/2020 a 11/12/2020.  

Mais Notícias