"Programa Silvio Santos" completa 55 anos na história da TV

Divulgação/ SBT

Publicado em 02/06/2018 às 09:30:47

Por: Fabrício Falcheti

O "Programa Silvio Santos" completa neste dia 2 de junho, 55 anos de história na televisão, alcançando a marca inédita de atração há mais tempo no ar em todo o mundo com o mesmo apresentador.

Desde a década de 50, Silvio Santos comandava programas na TV Paulista, sendo um nome de grande destaque da época. Até que, em 1963, encontra a possibilidade de locar duas horas na programação dominical do canal 5, que depois viria a ser a Globo, que ficava fora do ar até o início das transmissões de futebol.

Assim, decidiu unir conteúdo de vários de seus programas, somando novos quadros para a criação, a partir de 2 de junho de 1963, do "Programa Silvio Santos".

Já em seu primeiro ano, Silvio Santos reúnia uma multidão para brincar na porta da emissora sediada na Rua das Palmeiras, região central de São Paulo. E lançou o seu primeiro show de calouros: "Cuidado com a Buzina", onde o Chacal tentava eliminar os candidatos.

Nos anos seguintes, novos quadros foram sendo criados e o programa passou de duas para oito horas na programação dominical. Grandes sucessos da época como "Corrida da Bola Branca", onde artistas eram sorteados em um grande globo de bolas brancas para cantar suas músicas, e "Pergunte e Dance", uma gincana de perguntas e respostas de fãs com seus ídolos, tornaram o "PSS" líder de audiência.

Em "Rainha por Um Dia", Silvio Santos foi pioneiro em repaginar o visual de donas-de-casa transformando-as em mulheres lindas e elegantes. A partir de 1969, o programa passa a ser transmitido para todo o Brasil, e, com a novidade, surgem várias atrações como "Os Galãs Cantam e Dançam aos Domingos", sendo uma competição de dança entre os maiores cantores da época.

Nos anos 70, surgem "Só Compra Quem Tem", "Arrisca Tudo", "Show da Loteria Esportiva", "Boa Noite Cinderela", "Show de Calouros", "Qual é a Música", "Domingo no Parque" e "Namoro na TV". Já na década de 80 estreiam "Porta da Esperança", "Tudo por Dinheiro", "Show de Prêmios" com o "Jogo dos Pontinhos" e "O Preço Certo".


publicidade

Em 1991 chega a vez do "Topa Tudo por Dinheiro", virando uma sensação nos fins de noite de domingo. Também vão ao ar "Hot Hot Hot" e "Em Nome do Amor". Na década de 2000, três grandes sucessos: "Show do Milhão", "Casa dos Artistas" e "Roda a Roda".

No dia 1º de junho de 2008, o "Programa Silvio Santos" estreou sua nova roupagem, reunindo quadros, shows, brincadeiras e jogos, além das "Câmeras Escondidas".

Para o colunista do NaTelinha, Thiago Forato, atualmente a atração está melhor do que nunca, não perdendo a vice-liderança e assustando a Globo há muitos anos na faixa das 23h, já tendo batido diversos programas diferentes, e até mesmo o até então imbatível "Big Brother Brasil". A lista é extensa.

Alguns podem até se envergonhar de assistir, mas a grande maioria, atualmente, tem orgulho de dizer que vê Silvio Santos, num programa que, mesmo depois de mais de meio século no ar, continua atraindo público.

É difícil apontar um motivo para o sucesso de Silvio Santos e de seu programa. Ele transforma nada, um papel, ou qualquer coisa que se proponha a fazer, num grande show, que não seria atrativo com qualquer outro apresentador.

Seu carisma é tema de biografias, teses de TCC, estudos, na luta para tentar desvendar o segredo de sua popularidade.



publicidade

LEIA MAIS

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!

publicidade