Reportar
erro
John Rossiter

Executivo do AXN exalta desempenho do canal e enxerga futuro promissor para a TV paga

AXN foi o canal de séries mais sintonizado no país em 2021


Protagonistas de Bright Minds e Candice Renoir
Protagonistas femininas de Bright Minds e Candice Renoir trouxeram frescor à programação, diz executivo - Foto: Divulgação/AXN
Por Thiago Forato

Publicado em 19/02/2022 às 10:19:00,
atualizado em 25/02/2022 às 08:07:07

AXN conquistou o posto de canal de séries mais assistido pelos brasileiros em 2021. De acordo com dados do Kantar Ibope, a emissora conquistou a liderança no Pay-TV, além de manter a hegemonia também no quesito ATS (Average Time Spent), batendo em uma hora e 43 minutos o tempo médio de consumo do canal durante o dia. "Estamos focados em trazer o melhor conteúdo policial de investigação do mundo para um mesmo lugar", orgulha-se John Rossiter, EVP de Distribuição e Networks para a América Latina da Sony Pictures, em entrevista exclusiva ao NaTelinha.

No ranking geral, a AXN surgiu como o quarto canal mais visto do ano na televisão por assinatura, subindo cinco posições em relação ao ano de 2020. Dentre as séries que se destacaram, estão NCIS e a policial francesa Candice Renoir, além das já consagradas Hawaii Five-0 e CSI. "O público brasileiro tem essa peculiaridade, que é ser fanático por esse tipo de conteúdo, que também é inteligente, intrigante e com enredos complexos, e esse nosso compromisso em trazer os melhores títulos do gênero para a região é o que nos diferencia", avalia.

Na visão de John, o AXN inovou ao trazer novos e exclusivos títulos. As protagonistas femininas de Bright Minds e Candice Renoir, por exemplo, ajudaram a trazer certo frescor à grade de programação do canal. "Apoiam temas de interesse do nosso público, como inclusão e empoderamento feminino", pondera.

Futuro é promissor mesmo para TV por assinatura, diz executivo da AXN

Ainda que alguns coloquem a televisão por assinatura com prazo de validade, John enxerga as coisas diferentes. Para ele, o futuro do gênero no Brasil está longe de acabar. "Entendemos que o futuro é promissor para todos que produzem e exibem conteúdo de qualidade, o que inclui a TV por assinatura. É um dos países que mais consome entretenimento no mundo, e a resposta da nossa audiência tem sido muito positiva nesse sentido", conta.

Há alguns meses, a TV paga vem sendo "escanteada" pelos grandes conglomerados, que preferem concentrar os esforços no streaming. Para John, é natural que cada grupo trace sua própria estratégia, mas acredita que há espaço para que todos os players coexistam no mercado.

Para 2022, o canal prepara algumas novidades para os fãs de séries policiais e de investigação, incluindo a chegada de um grande reforço para o mês de fevereiro, a série S.W.A.T., além da terceira temporada da australiana Harrow, com estreia marcada para março, e NCIS: Hawai'i, com previsão de lançamento para maio deste ano

Acompanhe a TV NaTelinha no YouTube

Resumos de novelas, entrevistas exclusivas, bastidores da televisão, famosos, opiniões, lives e muito mais!

Inscreva-se
Mais Notícias