Reportar erro
Pé no freio

Globo deixará de transmitir Fórmula 1 a partir de 2021, diz site

Emissora não teria renovado contrato com proprietária dos direitos

Largada do GP da Espanha de Fórmula 1
Largada do GP da Espanha de Fórmula 1 (Foto: Reprodução/Twitter/F1)
Paulo Pacheco

Publicado em 27/08/2020 às 18:36:13

A Globo deixará de transmitir a Fórmula 1 a partir do ano que vem. Segundo informações do site Meio & Mensagem, a emissora não renovou os direitos de exibição da competição automobilística em 2021.

A publicação, voltada ao mercado publicitário, informou que a Globo está comunicando seus patrocinadores de que o vínculo com a Liberty Media, proprietária dos direitos, não será renovado. A emissora propôs uma redução de valores, porém não chegou a um acordo.

A Globo começou a transmitir a Fórmula 1 em 1972, e desde 1981 exibe as provas continuamente e com exclusividade na TV aberta. A emissora registrou os títulos mundiais de Emerson Fittipaldi, Nelson Piquet e Ayrton Senna, que morreu em 1 de maio de 1994, durante a transmissão da Globo do GP de Ímola, na Itália.

Sem brasileiros na modalidade desde a saída de Felipe Massa, a Fórmula 1 vinha perdendo prestígio e espaço da programação da Globo. Os treinos classificatórios, anteriormente exibidos na íntegra, agora vão ar durante apenas cinco minutos dentro do É de Casa.

Isolado por pertencer ao grupo de risco (completou 70 anos em julho), Galvão Bueno não narra as corridas desta temporada, reduzida também em função da pandemia de coronavírus. Cleber Machado assumiu as transmissões, porém recebe críticas pela falta de emoção nas redes sociais.

Procurada pelo NaTelinha, a Globo emitiu o seguinte comunicado: 

"Como parte da revisão de seu portfólio de direitos, um dos maiores entre emissoras de TV do mundo, a Globo optou por não renovar os direitos de transmissão da Fórmula 1 a partir de 2021. Mesmo sem a transmissão das corridas, a Globo continuará a fazer a cobertura da categoria em suas diversas plataformas."

Mais Notícias