Ficou sem resposta

Bolsonaro pede apoio a Roberto Carlos e leva fora, diz revista

Presidente contava com divulgação de músico para bater de frente com o apoio de Anitta a Lula


Bolsonaro durante entrevista para jornalístico da Record
Bolsonaro durante entrevista para jornalístico da Record; presidente recebeu vácuo de Roberto Carlos após pedido
Por Daniele Amorim

Publicado em 18/07/2022 às 22:17:00,
atualizado em 18/07/2022 às 22:18:18

Após Anitta declarar apoio a Lula na corrida presidencial, Jair Bolsonaro (PL) pediu que Roberto Carlos o divulgasse publicamente. No entanto, de acordo com a revista Veja, a assessoria de imprensa do "rei" não se deu ao trabalho nem de responder o pedido. Na última vez em que o cantor mencionou o político, ele afirmou que Bolsonaro "está tendo muita dificuldade em realizar o que propôs. Eu torço para o Brasil", falou, em uma coletiva de imprensa em 2020. 

Por conta do alto engajamento da presença de Anitta na candidatura do petista, a equipe do atual presidente tentou sondar Roberto Carlos. Em meados de 2018, houve um boato que circulou nas redes sociais em que o músico tinha declarado seu voto no candidato da extrema-direita. Porém, a informação foi negada por agências de checagem. 

De acordo com a Veja, Roberto Carlos quer ver Bolsonaro bem longe, por isso, pediu que sua assessoria não respondesse ao pedido. Inclusive, no ano passado, simpatizantes do presidente usaram a música Verde e Amarelo para ilustrarem o vídeo de uma motociata do político que aconteceu na cidade de Florianópolis, em Santa Catarina. 

Na época do registro, a assessoria de imprensa de Roberto respondeu que nunca foi perguntada sobre o uso da música para apoio político: "Não autorizei, não autorizo e não autorizarei", mencionou. 

imagem-texto

Bolsonaro sem Roberto Carlos... Lula com Anitta

Anitta revelou que irá votar em Lula (PT) em uma postagem do Twitter em 11 de junho. Ela explicou que tomou essa decisão após a morte do petista Marcelo Arruda durante sua festa de aniversário. O tesoureiro foi assassinado pelo bolsonarista Jorge José da Rocha por ter feito uma celebração com o tema do partido. "Não me deixa outra opção", disse.

"Se não houvesse uma morte envolvida neste caso do apoiador de Lula que foi atacado por um bolsonarista eu diria que a burrice dessas pessoas chega a ser engraçada. Mas não. É apavorante", começou a cantora, nas redes sociais.

Ela também mencionou que gostaria de uma outra opção por querer algo "novo e diferente" para o andamento do Brasil, no entanto, a funkeira acredita que o presidenciável é o único que pode bater de frente com a reeleição de Jair Bolsonaro (PL)." Quem paguem o preço de ter a pessoa que vocês mais odeiam no comando novamente só pela burrice e falta de caráter de querer resolver as coisas na violência e na intolerância", justificou. 

 

Logo Superviral
Se for SURPREENDENTE, é SUPER VIRAL.

Aqui você encontrará os assuntos mais interessantes do momento e conteúdos incríveis. Bichos, fatos históricos, lendas urbanas, viral e muito mais. No Super Viral, o inusitado acontece!

Confira
Mais Notícias
Outros Famosos