Exclusivo

Ronnie Von diz procurou a medicina para vencer depressão: "Não queria levantar da cama"

Apresentador conta que teve síndrome do pânico e se curou com tratamento médico


Ronnie Von sorridente em foto de divulgação com um blazer preto com um lenço no bolso
Ronnie Von conta como superou depressão - Reprodução/Instagram

Ronnie Von, 77 anos, travou uma batalha no passado contra a depressão e detalhou, em entrevista ao NaTelinha, como deu a volta por cima e conseguiu se curar da doença que atinge milhões de pessoas no mundo todo.

"Vou falar da minha própria experiência , descobri que a pior luta do homem é a luta contra ele mesmo. Tive transtorno de ansiedade que engloba um monte de coisas como depressão e síndrome do pânico de diversas formas", conta ele. O apresentador explica que durante as crises achava estava morrendo e que tinha uma doença incurável.

"Fui internado várias vezes com pressão altíssima e não tinha nada".

Ronnie Von

Ronnie Von aconselha busca por ajuda médica em caso de depressão

Com essa experiência de vida, Ronnie que se considera curado da doença, deixa um conselho para quem enfrenta um quadro semelhante no momento. Ele destaca que é difícil superar a doença sozinho.

"Como a pior luta de um homem é contra ele mesmo, ele precisa ter um exército, ter alguém que ajude. Eu venci a minha batalha com médico, fui procurar um suporte médico. As pessoas falam, psiquiatra é para cuidar de louco, não não é", bradou.

Ele conta que boa parte do dia estava aparentemente bem e em determinados momentos era atingido por crises de ansiedade e pânico.

"Tudo era normal, certas horas é que a coisa pegava, tipo a hora de dormir, aí não queria levantar da cama. Tinha um monte de coisas neste sentido. Eu ficava preocupado demais, fora aquela história de você achar que a vida não vale a pena. Procurei médico e o médico me curou. Então não espere que você vai dar a volta por cima sozinho porque isso é muito difícil, precisa ter ajuda e essa ajuda vem de fora".

Kika Von, mulher de Ronnie, também teve depressão e demorou 15 anos para se recuperar por demorar buscar ajuda médica. "Tive um suporte por parte da medicina muito importante, desde a parte de remédios até a terapia. Não tenho mais nada", comemora o apresentador.

Para finalizar, o apresentador reforça que é preciso desmitificar o preconceito que se tem na hora de buscar ajuda de um psiquiatra para tratar essa doenças emocionais: "Não tenham medo. Psiquiatra não cuida de maluco, não, ele cuida de gente que tem saúde e que está perdendo. O psiquiatra faz com que você volte a ter saúde mental, é uma atividade como outra qualquer".

Neste mês, o apresentador voltou para a TV com o programa  Além do Vinho, exibido no canal de TV fechada Sabor & Arte após dois anos afastado.  A primeira temporada tem 12 episódios e é gravada na adega da casa do apresentador. 

"A televisão para mim é a minha vida, eu sem televisão, vou ser um homem pela metade ou menos ainda. Me senti mais vivo, é um projeto que vem muito ao encontro das coisas que eu gosto, não tinha nem como dizer não",, contou ele.

Ronnie Von diz procurou a medicina para vencer depressão: \"Não queria levantar da cama\"

Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do Telegram.

Participe do grupo
Mais Notícias
Outros Famosos