Reportar erro
Homenagem

Mãe de Paulo Gustavo comove ao cantar para o filho em missa de sétimo dia do ator

Déa Lúcia emocionou o público ao falar sobre o humorista

Déa Lúcia emocionada, com máscara no rosto e microfone na mão
Déa Lúcia se emocionou ao falar do filho, Paulo Gustavo - Foto: Reprodução
Redação NT

Publicado em 11/05/2021 às 21:40:00

 Na noite desta terça-feira (11), sete dias após a morte de Paulo Gustavo, a mãe do ator, Déa Lúcia, prestou homenagem ao filho durante a missa de sétimo dia do humorista. O evento foi celebrado no Cristo Redentor, no Rio, e contou com apenas a presença de poucos amigos e familiares. Déa homenageou o filho ao cantar a música Fascinação, de Elis Regina, auxiliada pelo coral e músicos presentes.

"Meu filho passou no teste do Enem da vida. Eu não sou forte como todo mundo diz. A minha força está em Deus. Eu peço todo dia para me ajudar, eu creio e aceito a partida do meu filho, mas me ajuda ficar aqui, me dê forças no meu coração. Não sou forte é fé que me ajuda", disse Déa, emocionada.

"Eu queria deixar um beijo pra todos os fãs do Brasil, que rezaram, oraram, cada um na sua religião, para que meu filho ficasse curado. Ele se curou, ele foi embora, ele curou totalmente. Ele está lá em cima olhando por nós. Me coloco de joelhos por todas as mães que perderam seus filhos por essa maldita doença. Cada morte sofro porque é muito triste um filho ir embora antes da mãe. São os desígnios de Deus", finalizou a mãe de Paulo Gustavo.

Repórter se emociona ao vivo ao falar de Paulo Gustavo

A celebração, que foi realizada aos pés do Cristo Redentor, no Rio, foi transmitida ao vivo pelo Multishow. Antes do início do culto, a repórter Didi Wagner, que também apresenta programas no canal pago, acabou se emocionando ao falar sobre Paulo Gustavo.

"É importante dizer que hoje, infelizmente, essa missa está sendo celebrada não só para o Paulo Gustavo, este ator imenso que se foi, mas também para as mais de 423 mil vidas perdidas para a Covid. Eu me sinto honrada de ter sido convidada para estar aqui, como representante do canal Multishow e como amiga do Paulo Gustavo. Ainda está sendo muito difícil assimilar, aceitar a partida de uma pessoa tão especial", começou Didi, visivelmente emocionada diante das câmeras.

"Paulo Gustavo era um ator e comediante de um talento gigante E era também um filho muito amado, marido amoroso, pai dedicado e amigo leal. Paulo Gustavo tinha uma alegria contagiante. Ele preenchia os espaços, era protagonista onde chegava. Conversava com todos do mesmo jeito, do mesmo tom, com o maior respeito. Por onde ele passava, a energia do lugar mudava. Paulo Gustavo tinha certo acolhimento e representatividade", continuou a repórter e apresentadora.



Mais Notícias
Outros Famosos