Polêmica

Xuxa faz duras críticas a Bolsonaro destacando mortes pela Covid-19

Xuxa não poupou críticas a Bolsonaro, ela lamentou mortes pela covid, defendeu vacinação e se mostrou engajada contra a corrupção

 Xuxa faz duras críticas a Bolsonaro destacando mortes pela Covid-19
Divulgação

Leandro Lel Lima

Publicado em 09/01 às 18:42:02

Poucos artistas no Brasil contam com a coragem e a disposição de Xuxa para bater de frente com autoridades para defender suas ideias, causas e, acima de tudo, os direitos do povo, em especial num momento de crise econômica, pandemia com mais de 200 mil mortes pela covid-19, desemprego e desmatamento da Amazônia em alta, tornando o país alvo de críticas por todo o mundo. Em sua coluna na Vogue deste mês ela é bem direta, “Tchau aos mitos’”, numa clara referência às atitudes de Jair Bolsonaro no que envolve piadas sobre as mortes provocadas pelo vírus, negacionismo e até investigações da Polícia Federal ao clã da Família Bolsonaro.

continua depois da publicidade

Logo no começo do texto Xuxa lamentou o fato do Brasil ter perdido mais de 200 mil mortos e que algumas pessoas não se dão conta da gravidade, o que na visão dela são encorajadas pelas falas e atitudes do presidente da república: “Quer dizer, talvez um pouco, já que nosso presidente ri de tudo: do ozônio, tira sarro com o uso de máscaras, chama a pandemia de “gripezinha”, diz que todos um dia vão morrer, não é mesmo?”. Ela está confiante na vacina e defendeu que a campanha comece logo e esteja à disposição de todos os brasileiros.

continua depois da publicidade

Engajada com causas sociais, Xuxa faz ao longo de sua carreira doações para instituições assistenciais, e no caso da covid-19 não foi diferente ao doar 1 milhão de reais ao SUS, mas ela lamentou que o serviço ainda sofra com tantas suspeitas de fraude: “Tem gente misturando água no álcool em gel, respiradores superfaturados, hospitais sem leitos...”.

Em outro trecho do texto ela mostra que está de olho nas atitudes das autoridades: “Um ministro da saúde [Luiz Henrique Mandetta] foi arrancado porque nos falava a verdade, o outro [Nelson Teich] porque não quis compactuar com um remédio que a eficácia não foi comprovada...” [desde o começo da pandemia, Bolsonaro sempre indica remédios à população que não fazem efeito no combate à doença de acordo com os especialistas].

continua depois da publicidade

Outra bandeira defendida por Xuxa é a natureza e aqui ela tocou num assunto polêmico, as queimadas na Amazônia que estão acabando com as floretas, matando centenas de animais e espantando investimentos: “Se ainda acham pouco, a floresta amazônica em chamas e nosso governo culpando os índios e a boiada passando a frente para ganhar flexibilidade que eu chamo de sacanagem com a natureza e o meio ambiente”.

continua depois da publicidade

De acordo com dados do IBGE há mais de 14 milhões de desempregados no Brasil, outro ponto destacado por Xuxa, que também abordou os incentivos que Bolsonaro dá ao setor de armar invés de priorizar a alimentação dos brasileiros: “Muita gente sem emprego enquanto as taxas retiradas foram as das armas, pois nosso governante acha importante armar a população ao invés de colocar feijão e arroz nos pratos sem taxas ou aumento”.

continua depois da publicidade

Um dos maiores problemas do Brasil é a corrupção também abordada pela comunicadora. O clã Bolsonaro, seus filhos e amigos, é alvo de investigações por suspeitas de corrupção, o que também recebeu críticas de Xuxa por “blindagem”: “A família que não pode ser “tocada”, tudo para proteção de seus filhos. Se não há nada a temer porque não deixam revirarem tudo? Por que não cooperam com a PF [Polícia Federal do Brasil]? Pelo contrário, trocam todas as pessoas que são contra seus pensamentos”.

continua depois da publicidade

Apoiadores de Bolsonaro

Xuxa também criticou pessoas que apoiam as atitudes de Bolsonaro. “O nosso desgoverno virou piada e chacota no mundo todo, é vergonhoso ver o mundo rir do nosso país. Tem muita gente ainda que diz que o ama e pasmem, o chamam de 'mito', riem das nossas leis... Se falam mal do STF [Supremo Tribunal Federal]... Ou melhor, estão do lado do desgoverno, estão protegidos e nada acontece: não são presos, não pagam pelos seus erros ou crimes... Isso tudo está na cara das pessoas, mas elas não querem ver, não conseguem enxergar, parece que estamos vivendo realmente um filme de terror. Tanta gente morrendo pelo vírus e uma guerra política vergonhosa”.

continua depois da publicidade

E falou também sobre a perseguição que pessoas críticas ao presidente e sua família podem sofrer: “Quem é contra pode levar uma bala, pode ser agredido verbalmente com carros de som ou nas mídias, quem é contra é perseguido. Você pode ser caçado e crucificado por ignorantes vestidos com uma bandeira do Brasil e eu como muitos brasileiros que pagam impostos (faço isso desde os meus 16 anos) quero vacina para todos. Eu, como brasileira envergonhada que estou, exijo respeito por minhas decisões e postura. É inadmissível ouvir que todos vão morrer um dia, tentando justificar o injustificável. Já perdi muitas pessoas perto de mim e não aceito que outras se vão por causa de uma política podre e vergonhosa”

continua depois da publicidade

Por fim, a artista voltou a falar nas tentativas de censura de Bolsonaro à imprensa, exaltou a importância da vacinação Xuxa sempre foi convidada pelo ministério da saúde para realizar campanhas] com uma mensagem de ironia: “E mais, não é uma questão de partido, são atitudes erradas, palavras usadas para calar a boca de jornalistas, palavrões e atos como não usar máscara ao lado do 'Zé gotinha', o símbolo da vacinação. Há muito tempo eu fiz uma campanha que dizia: “Gotinha, gotinha e tchau tchau paralisia infantil” e hoje eu digo: 'VACINA, VACINA E TCHAU, TCHAU AOS MITOS'.”

continua depois da publicidade