Racista?

Radialista é acusado de racismo por comentário contra Marielle: "Cabelo feio"

Comentário foi feito na Rádio Guaíba

Radialista é acusado de racismo por comentário contra Marielle:
Marille sofreu ato racista praticado por um radialista. Foto: Divulgação

Publicado em 07/11/2019 às 20:05:36 ,
atualizado em 07/11/2019 às 21:52:33

Por: Daniel César com Redação NT

O radialista Rogério Mendelski está sendo acusado de racismo nas redes sociais após fazer comentário a respeito do cabelo da ex vereadora Marielle Franco, assassinada em março do ano passado. O profissional disse, durante o programa Bom Dia desta quinta-feira (07), que o cabelo da vereadora era feio.

Segundo trecho do vídeo que corre pela internet, o radialista estava iniciando um assunto que dizia respeito ao caso de Marielle, se preparando para ler a pergunta de um ouvinte, quando optou por fazer um comentário jocoso a respeito do cabelo da vereadora. "Bom dia Rogério, e um dos assassinos da vereadora Marielle, já que se fala tanto na Marielle. Agora virou até moda o cabelo da Marielle, o que eu tenho visto de pessoas com o cabelo... aquele cabelo horroroso, cabelo feio. Um coque na cabeça", afirmou o radialista.

O comentário pegou mal e rapidamente passou a repercutir nas redes sociais. Internautas conseguiram o trecho do programa que é disponibilizado nas redes sociais da Rádio Guaíba, editaram o programa para que o trecho fosse exibido e passaram a criticar o profissional, além de cobrar um posicionamento da Rádio Guaíba.

Rogério foi acusado de racismo poucos dias depois da funkeira Ludmilla ter denunciado um ato racista durante o Prêmio Multishow através de um vídeo em que ela é chamada de macaca. Nesta semana, a Record demitiu um operador de câmera de A Fazenda 2019, após vazar áudio dele chamando a peoa Sabrina também de macaca.

Veja o vídeo

Rádio Guaíba pede desculpas a família de Marielle

Poucas horas depois do acontecimento a Rádio Guaíba soltou um comunicado nas redes sociais pedindo desculpas pelo ocorrido. "Sobre o comentário do apresentador Rogério Mendelski hoje pela manhã no programa Bom Dia, quando fez considerações sobre a vereadora Marielle Franco, esclarecemos que repudiamos todo e qualquer tipo de comentário de conteúdo preconceituoso", iniciou o texto que foi postado no Twitter.

E prosseguiu. "Pedimos desculpas à família de Marielle e a toda a comunidade atingida pelo fato. Nos seus princípios, que estão expostos no site oficial da emissora, a Guaíba deixa bem claro isto aos seus ouvintes e colaboradores", o perfil da Rádio ainda deixou claro discordar do que foi dito.

"A Rádio Guaíba repudia toda e qualquer forma de preconceito e discriminação. A Rádio Guaíba preza a pluralidade de ideias entre seus comentaristas e apresentadores, mas não aceita de forma alguma manifestações de conteúdo racista, homofóbico de xenofobia ou qualquer outra forma de discriminação", afirmou.

Por fim, a emissora disse que a opinião de seus funcionários não representam a visão da empresa. "A opinião dos comentaristas e apresentadores não representa a opinião da empresa. Esta será apresentada em editoriais quando necessário.", encerrou.

Ao portal Coletiva, o radialista se defendeu. "Meu comentário foi interrompido por conta de uma entrevista que eu estava esperando com o Onyx. Depois, o assunto não voltou mais", falou dando a entender que teria mais a dizer sobre o tema.

Ele também explicou o que quis dizer em sua fala.  "Não gosto de coques. A Marielle, por exemplo, era muito mais bonita de cabelos soltos. É gosto pessoal. Não há qualquer tipo de conteúdo racista aí, não sei de onde tiraram isso. Eu não pude terminar o meu comentário, foi isso. Nós, da Guaíba, somos completamente contra preconceitos", concluiu.


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!