Reportar erro
Colunas

Enfoque NT: O novo telespectador noveleiro

2a497103e9446edc7ab57ba986a4aa14.jpg
Divulgação/TV Globo
Thiago Forato

Publicado em 25/03/2014 às 17:44:16

Definitivamente, o público não tem mais paciência para acompanhar durante nove meses uma novela. Salvo raríssimas exceções, como foi recentemente com “Amor à Vida”, que cresceu na reta final por ter temas polêmicos muito bem definidos e caracterizados, ou “Avenida Brasil”, em 2012, hour concour e um divisor de águas na dramaturgia brasileira.

É aquilo que Manoel Carlos sempre pediu: novelas com menos capítulos. Pode encarecer o produto, já que o custo dela não será diluído com 80 ou 90 capítulos a mais. Entretanto, com um ritmo mais ágil e dinâmico, o telespectador acaba sendo atraído por algo mais frenético, onde exista mais reviravolta. É o modelo mexicano, que grande parte das pessoas criticam.

Mas o modelo mexicano tem que ter aquela pitada brasileira. Mais personagens e mais protagonistas e não ficar enroscado no casal ou no triângulo e quarteto amoroso. A dramaturgia está tomando outro rumo, mas não pode perder sua essência, apenas se adaptar às necessidades e vontades do público.

“Em Família” tem bom texto, bons conflitos, mas como em toda e qualquer novela de Maneco, é lenta. Para alguns chega a ser arrastada. Prova disso é a baixa audiência. Há dias em que a trama não chega aos 30 pontos. Um desempenho pífio.

A novela das 18h, “Joia Rara”, também está arrastada há várias semanas. Porém, o desempenho sempre foi fraco e as perspectivas nunca foram das melhores. E “Além do Horizonte”, nem preciso dizer, foi um acidente de percurso da Globo.

Paciência

Meus parabéns a quem conseguiu assistir a reportagem completa sobre a vida de Gil Gomes anteontem (23) no “Domingo Show”, na Record. O Geraldo Luís estava insuportável tentando imitá-lo, além de muito repetitivo. Nunca chegava ao ponto. Fui obrigado a desligar minha televisão. Mas, vejo que fui um dos poucos, já que o programa deu uma audiência extraordinária. O difícil é manter.

Perdido

O “Arena SBT” está bem escondido nas noites de sábado. O “Caso Encerrado” derruba o que, talvez, o “Arena” possa conseguir e almejar. Ir ao ar depois daquele programa hispânico torna a tarefa de alavancar os índices de audiência quase impossível. Tem que tentar.

Essa onça é um gatinho

Deu 4 pontos o “Amigos da Onça” nesta segunda(24), na volta do "Quem Não Viu Vai Ver". Nada diferente do que qualquer outro produto naquele horário deu. É claro que é cedo pra dizer, mas pelo currículo daquela faixa, mais um produto (ou mais uns, são cinco) sairá do ar por falta de público.
 

Contatos do colunista: thiagoforato@natelinha.com.br - Twitter: @Forato_

Mais Notícias