Há 29 anos morria Ramón Valdés, o Seu Madruga; veja 10 curiosidades sobre o ator

Ator foi o primeiro da série a partir, em 1988

Divulgação

Publicado em 09/08/2017 às 09:17:21 , atualizado em 09/08/2017 às 15:35:36

Por: Thiago Forato

Grande parte dos fãs de "Chaves" têm Seu Madruga como seu personagem preferido.

Ramón Valdés, o ator que dava vida a ele, foi o primeiro da série a morrer, no dia 9 de agosto de 1988, aos 64 anos. O site El Intransigente listou 10 curiosidades sobre Ramón Valdés, um dos mais conhecidos atores mexicanos da época.

Ramón veio de uma família repleta de artistas. "Los Valdés" eram como foram conhecidos. Seu irmão Germán era reconhecido na época de ouro do cinema mexicano como "Tin Tan", enquanto Manuel "El Loco" e Antonio "The Mouse" seguiram seus passos.


Ramón Valdés em um de seus primeiros papeis no cinema

- Quase duas décadas depois, Thalía pode voltar às novelas

- Conheça a Sportflix, a Netflix dos esportes que chega ao Brasil

- Após lesão no joelho, Theo Becker pode deixar "Dancing Brasil", mas fala em milagre

Embora seja conhecido como o papel de Seu Madruga em "Chaves", o ator apareceu em mais de 50 filmes, muito deles com os maiores atores da época, como Pedro Infante e Mario Moreno Cantinflas.

Ainda que a série tenha algumas referências ou piadas de que ele fosse feio, o chamando até de "chimpanzé reumático", Ramón era um galã mexicano. Ele dizia que depois do cigarro, seu vício eram as mulheres. Casou-se três vezes, e teve 10 filhos.


publicidade

Alguns bordões que não estavam no script como "só não te dou outro porque" ou "que que foi, que que foi, que que há?" foram ele mesmo quem criou.


Ator com a família e segurando os netos no colo

- Aplicativo do SBT para SmartTV gera reclamações e emissora promete correção

- Veja lista dos homens que foram traídos por Deborah Secco

 

O Seu Madruga foi o único personagem da série "Chaves" que não precisou de caracterização. O ator ia vestido com uma camiseta, chapéu azul e uma calça jeans e pronto. Gravava assim mesmo.

Emílio "El Tigre" Azcárraga, dono da Televisa, ordenava que nenhuma pessoa da emissora fumasse, caso contrário, era demissão na certa. A ordem era cumprida, menos por Ramón, por quem o empregador tinha uma grande amizade e consideração.

Em 1979, resolveu se demitir do programa "Chespirito" depois que Florinda Meza se tornou produtora executiva.


Don Ramón com Maria Antonieta

Seu último trabalho foi em 1987, no Peru, onde gravou um comercial de um famoso doce local. Chiquinha, a Maria Antonieta de las Nieves, disse que o viu em Lima na ocasião e não imaginou que fosse morrer tão pouco tempo depois.

Muitos acreditam que Ramón Valdés morreu de câncer de pulmão, mas a verdade é que a doença já havia se manifestado no estômago e na medula.

- Relembre quatro momentos marcantes e polêmicos de Adriane Galisteu na TV

- 11 anos de Lei Maria da Penha: Relembre sete mulheres que sofreram violência doméstica nas novelas

Durante seu funeral, a Bruxa do 71, a atriz Angelines Fernández, recusou-se a sair do lado do caixão, passando horas em pé gritando: "Mi rorro, mi rorro" (Meu neném).

- SBT prioriza outros formatos e voltará com "Hell's Kitchen" em 2018

- Bibi tem deslize, posta foto de dinheiro na web e passa a ser procurada pela polícia

- Nasce filho de Karina Bacchi nos Estados Unidos



publicidade

LEIA MAIS

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!

publicidade