Exposição

Juliana Paes critica exposição de Klara Castanho: "Passei por coisa parecida"

"Vamos cuidar das nossas vidas", propôs a atriz no Encontro desta segunda-feira (27)


Juliana Paes fala de Klara Castanho em participação no Encontro, na Globo
Juliana Paes lembrou no Encontro que detalhes de sua gravidez foram revelados à imprensa por laboratório - Foto: Reprodução/Globo

Juliana Paes falou sobre Klara Castanho em participação no Encontro desta segunda-feira (27), na Globo. A atriz pediu para comentar o caso com Fátima Bernardes, que havia abordado o tema no primeiro bloco. Neste fim de semana, a atriz de 21 anos relatou que engravidou após um estupro e entregou o bebê para a adoção.

“Não queria deixar de ter essa oportunidade. Eu já passei por coisa parecida, de ter algo que eu não queria que fosse contado, quando eu estava grávida. Foi o próprio laboratório que acabou divulgando [a gravidez], mas isso nem se compara ao caso de Klara Castanho”, comentou Juliana Paes no Encontro.

A atriz contou que é Defensora para a Prevenção e a Eliminação da Violência contra as Mulheres da ONU Brasil. “Eu escuto muitos casos assim [de estupro]. Isso acontece mais do que a gente imagina.”

Juliana também comentou as críticas que a colega de profissão recebeu por ter entregue o bebê para adoção. “É como se as nossas escolhas tivessem sempre que ser terceirizadas, como se tivessem que passar pelo crivo de alguém”, relatou a artista.

Em seguida, ela elogiou a postura de Klara Castanho, que precisou falar sobre o assunto publicamente após o caso vazar para a imprensa. “Ela teve uma atitude muito corajosa. Quero pedir para as pessoas que parem com o julgamento. Ele adoece, transforma uma vida inteira, deprime, mata”, alertou.

“Não é porque você é uma pessoa pública que a sua vida tem que ser esmiuçada em todos os momentos. A gente escuta muito isso: ‘Ah, quem manda ser famoso?’. Não existe nada mais cruel. Sendo famoso, você fica menos humano, menos gente?”

Juliana Paes

 

“A fama é um reflexo do nosso trabalho”, defendeu Juliana Paes no Encontro

Juliana Paes critica exposição de Klara Castanho: \"Passei por coisa parecida\"

Fátima Bernardes concordou com a entrevistada: “As dores [de anônimos e famosos] são as mesmas, não é? E o respeito deve ser o mesmo por todos”. Juliana Paes então acrescentou: “Parem julgar e de achar que o famoso tem que ter sua vida esmiuçada, falada. A fama é um reflexo do nosso trabalho. Não é a primeira coisa que a gente busca, almeja o tempo inteiro”.

As duas, por fim, se mostraram ao lado de Klara. “Só resta a nós entregarmos a ela o nosso afeto, carinho e apoio. E se não for possível fazer nada, o silêncio já é muito bom”, indicou Fátima. “E vamos cuidar das nossas vidas, gente. Cuida da sua vida!”, finalizou Juliana Paes.

Mais cedo, a apresentadora da Globo abriu o Encontro falando do assunto. "Não cabe a nós nenhum julgamento", afirmou Fátima, que também conversou com Luciana Temer, advogada e professora de Direito Constitucional. A especialista reforçou que todo aborto decorrente de estupro é legal, e a decisão da mulher em doar a criança é amparada pela lei em qualquer caso.

Acompanhe a TV NaTelinha no YouTube

Resumos de novelas, entrevistas exclusivas, bastidores da televisão, famosos, opiniões, lives e muito mais!

Inscreva-se
Mais Notícias