De última hora

Silvio Santos cancela exibição do Troféu Imprensa no sábado e define novo dia

Dono do SBT resolveu mudar o dia de exibição da cerimônia já gravada


Silvio Santos rindo no Troféu Imprensa 2022
Silvio Santos alteração dia do Troféu Imprensa na véspera - Fotos: Divulgação/SBT/Gabriel Cardoso

A 58ª edição do Troféu Imprensa que ia ao ar neste sábado (11) a partir das 20h30, não vai mais acontecer. Silvio Santos adiou a exibição da premiação para a próxima quarta-feira (15), às 21h30. A reapresentação de Carinha de Anjo (2016-2018) será suspensa. A informação foi confirmada pelo NaTelinha junto a assessoria da emissora. 

No Troféu Imprensa, os três mais votados do público serão apresentados em ordem alfabética aos jurados, para que eles decidam o melhor. Já para o Troféu Internet, os favoritos foram escolhidos através de votação online.

Como de costume, Silvio também recebe no palco artistas que já foram premiados em outros anos e que, por alguma razão, não puderam vir receber a estatueta. Nesta edição, Sophia Valverde, Rebeca Abravanel, Carlos Alberto de Nóbrega, Eliana, Danilo Gentili e Patricia Abravanel estiveram ao lado do Homem do Baú para receberem algum troféu.

Troféu Imprensa retorna após três anos

Silvio Santos cancela exibição do Troféu Imprensa no sábado e define novo dia

Desde dezembro, o SBT havia aberto votações para a premiação que não acontecia desde abril de 2019. Em 2020, por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), a premiação foi cancelada. Em 2021, idem.

Ainda assim, em nenhum momento o SBT sinalizou que produziria o evento nos últimos dois anos. Patrícia Abravanel, que comanda o atual Programa Silvio Santos, também não foi cogitada para dar seguimento ao Troféu Imprensa, que agora terá o comando tradicional de Silvio.

A história do evento

Criado em dezembro de 1958 pelo jornalista Plácido Manaia Nunes, o Troféu Imprensa dedica-se a contemplar àqueles que mais se destacaram no cenário artístico do ano anterior, na TV e na música.

Nos primeiros anos, a premiação era promovida pela revista São Paulo na TV e exibida por um pool de emissoras formadas por Tupi, Record, Paulista e Excelsior. Os veículos transmitiam a cerimônia ao vivo direto do Teatro Municipal de São Paulo.

Em 26 de dezembro de 1969, Silvio Santos passa a comandar o especial, sendo neste ano pela TV Tupi para o estado de São Paulo. A partir de 1971, a exibição passa a ser em todo o território nacional pela TV Globo, sendo a escolha dos melhores no final de cada ano e a cerimônia de entrega na metade do ano seguinte. O troféu, inicialmente em formato de cartão de visitas, torna-se uma estatueta dourada.

Desde 1981, a escolha e a entrega são unificadas em uma única edição anual pelo SBT. Nos anos de 1970, 1977, 1978, 1979, 1980, 2005, 2020 e 2021 não houve premiação. No ano de 1971 houve duas premiações, um referente a 1970 e uma referente a 1971.

Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Participe do grupo
Mais Notícias