Reportar
erro
Qualidade ruim

Canal Viva recorre a cópia inferior de Alma Gêmea para exibição

Terceiro capítulo da novela de Walcyr Carrasco será apresentado com baixa qualidade


Cristina gritando em meio ao fogo
Canal Viva recorre a cópia "pirata" de Alma Gêmea para exibição - Foto: Reprodução
Por Redação NT

Publicado em 31/01/2022 às 17:11:37,
atualizado em 01/02/2022 às 11:47:54

Nesta segunda-feira (31), dia da estreia de Alma Gêmea no Viva, os telespectadores do canal foram pegos de surpresa com um aviso sobre a novela veiculado pelo canal nas redes sociais. No perfil oficial do serviço por assinatura do Grupo Globo, é informado que o capítulo 3, que será apresentado na próxima quarta-feira (2), não conseguiu ser extraído da mídia original como os demais episódios da novela para a exibição na íntegra. Contudo, o Viva informou que usará uma fonte alternativa para o capítulo não deixar de ser apresentado.

"Quem também tava ansioso pela volta de Alma Gêmea? Eu tava contando as horas para rever o novelão! Mas quero dar um aviso: o capítulo 3 da novela, que vai ao ar no VIVA nesta quarta-feira (02/02) e estará disponível no Globoplay, não pode ser resgatado da mídia original", anunciou.

"Tivemos que recorrer a uma fonte alternativa. Com isso, a qualidade da imagem foi afetada e apresenta diferenças em relação aos demais capítulos da novela. Pedimos desculpas pelo inconveniente e seguimos trabalhando para trazer pra vocês os grandes clássicos da teledramaturgia", completou.

O NaTelinha entrou em contato com a assessoria de imprensa do Canal Viva, que esclareceu sobre a indisponibilidade do capítulo. "O capítulo 3 de Alma Gêmea, que vai ao ar no VIVA nesta quarta-feira (02/02) e está disponível no Globoplay a partir de hoje, segunda-feira (31/01), não pôde ser resgatado da mídia original. O canal recorreu a uma versão de menor qualidade do próprio acervo. Com isso, a qualidade da imagem foi afetada e apresenta diferenças em relação aos demais capítulos da novela", informou.

Canal Viva recorre a cópia inferior de Alma Gêmea para exibição

Com Alma Gêmea, o Canal Viva abre a temporada 2022 de reprises que, além da novela de Walcyr Carrasco, ainda pintarão na tela, O Beijjo do Vampiro (2002), Coração de Estudante (2002), Caminho das Índias (2009) e Malhação 1997.

O fenômeno de Alma Gêmea

Alma Gêmea foi acompanhada por grande audiência em sua primeira exibição, entre 2005 e 2006. Com média de 38 pontos na Grande São Paulo, tornou-se a novela mais vista do horário naquela década. Um sucesso que foi aprovado pela Globo com um e-mail de seis linhas enviado pelo autor Walcyr Carrasco a Mário Lúcio Vaz (1933-2019), então um dos diretores de programação da emissora, que deu o aval para a produção.

A trama, que tinha direção de Jorge Fernando (1955-2019), abordava o espiritismo com a história de uma mulher que reencarna para reencontrar o amor de vidas passadas. Serena (Priscila Fantin) nasce em uma tribo indígena depois que Rafael (Eduardo Moscovis) perde a esposa, Luna (Liliana Castro). No encontro após 20 anos, o casal enfrenta, entre outros obstáculos, a ambição de Cristina (Flávia Alessandra). Apaixonada pelo protagonista, a vilã faz de tudo para impedir que eles fiquem juntos.

Em entrevista ao livro Autores: Histórias da Teledramaturgia (2008), Walcyr Carrasco comentou o êxito de Alma Gêmea junto ao público. “Foi realmente um extraordinário sucesso, acho que o maior da minha vida. Aliás, no horário, foi um dos maiores de todos os tempos. Foi um arrasa-quarteirão”, disse.

“Eu contei ao Ary [Nogueira, diretor de produção de novelas] a ideia de Alma Gêmea. Na hora, ele me disse para enviar um e-mail para o Mário Lúcio com a história. Mandei uma mensagem de seis linhas. Mário Lúcio respondeu: ‘Essa é a novela, está aprovada’. Alma Gêmea foi aprovada por e-mail.”

Siga a gente no Instagram

Acompanhe nosso perfil e fique por dentro das quentinhas da TV e famosos

ACESSE!
Mais Notícias