Detonou

William Bonner critica Bolsonaro ao noticiar novo decreto polêmico do presidente

Jornalista esculachou o político durante o Jornal Nacional


William Bonner na bancada do Jornal Nacional; Jair Bolsonaro sério
William Bonner critica Bolsonaro ao noticiar novo decreto polêmico do presidente - Foto: Reprodução

Durante o Jornal Nacional desta quarta-feira (12), William Bonner criticou Jair Bolsonaro ao noticiar novo decreto do presidente. O chefe do executivo autorizou que funcionários de seu governo possam viajar para o exterior em classe executiva usando recursos públicos. Após o apresentador dar a resposta da presidência sobre o caso, o âncora não resistiu e criticou o político.

"Um decreto do presidente Jair Bolsonaro autorizou o que cerca de 520 integrantes do Governo Federal passem a viajar para o exterior em classe executiva quando o voo durar mais de 7h. Os beneficiários são centenas de assessores e também os ministros do governo. Poltronas da classe executiva são mais confortáveis do que as da classe econômica, por isso podem custar o triplo", informou.

Na sequência, Ana Luiza Guimarães completou: "O decreto de Bolsonaro determina o contrário daquele que foi assinado pelo então presidente Michel Temer, em 2018. Temer tinha decidido que passagens aéreas para ministros e servidores deveriam ser comprada sempre na classe econômica e quem quisesse classe executiva deveria pagar a diferença do próprio bolso".

Depois, Bonner voltou a criticar Bolsonaro, ao ler a resposta do Governo Federal. "A Secretaria Geral da presidência declarou que o decreto do presidente Jair Bolsonaro é 'mitigar o risco de restrições físicas e de impactos em saúde dos agentes públicos que precisam se afastar em serviço da União ao exterior afim de tentar atenuar eventuais efeitos colaterais em face de déficit de ergonomia e evitar que tenha suas capacidades laborativas afetadas'", disse.

"Ou seja, o presidente Bolsonaro teria procurado evitar que o aperto da poltrona da classe econômica afete a capacidade de trabalho de quem viaja pro exterior com passagens pagas pelo governo", criticou.

Bonner detona Bolsonaro ao vivo

Na última semana, William Bonner detonou o presidente Jair Bolsonaro ao vivo. Dessa vez, o âncora criticou uma fala do político para outro veículo de comunicação em que o chefe do executivo minimizou mortes de crianças por Covid-19. Não apenas na chamada para entrada da matéria o âncora o criticou, mas também leu um editorial feito pelo noticiário sobre a posição da Globo sobre o caso.

Mais Notícias