Reportar erro
Concordam?

No Fofocalizando, Flor diz que Juliette “não precisa de terapia”

Apresentadora opinou que campeã do BBB21 "foi terapeuta de muita gente"

Flor Fernandez está no estúdio do Fofocalizando
Flor Fernandez manda recado para Juliette no Fofocalizando - Foto: Reprodução
Redação NT

Publicado em 02/06/2021 às 16:11:35,
atualizado em 02/06/2021 às 16:28:41

Flor Fernandez opinou sobre a saúde mental de Juliette durante o Fofocalizando desta quarta-feira (2), no SBT. Após a exibição de uma reportagem sobre os seguidores reclamarem que a campeã do BBB21 está postando pouco nas redes sociais, mesmo depois dela comentar em entrevistas que está assustada com a fama e teve crises de ansiedade, a apresentadora comentou que a advogada não precisava de terapia. 

Ana Paula Renault  aconselhou a paraibana a voltar para sua casa e encontrar seus familiares. Juliette, que estava hospedada na mansão de Anitta desde que deixou o confinamento do reality show, avisou que vai para o seu estado natal descansar.

Flor, então, concordou com Ana Paula e opinou. “Você vai ver que vai melhorar. Você não precisa de terapia, você foi terapeuta de muitas pessoas”, disparou a apresentadora. A ex-BBB discordou da colega. “Todo mundo precisa de terapia”, pontuou Renault. “Sim, mas ela foi terapeuta de muitas pessoas. Ela não tinha dinheiro para fazer terapia antes”, completou Flor.

Ana Paula concordou que o discurso de Juliette ajudou muitas pessoas que enfrenta depressão e outros transtornos mentais. Flor ainda mandou um recado usando de exemplo a força da campeã do BBB21: “Seu sofrimento não é à toa (...). Você vai ver que pode ser uma Juliette”.

No Fofocalizando, Chris Flores aconselha Juliette

Chris Flores também mandou um recado para advogada, quem ela disse admirar muito. “Juliete, vou te dizer uma coisa, tem gente muito mais madura que você, há muito mais tempo nesse meio, sendo celebridade, artista, ator, cantor, seja lá o que for... Que não tem a maturidade que você tem. É difícil, porque, às vezes, as pessoas aparecem felizes, vibrantes, mas no fundo estão sofrendo muito.”

“É normal não ficar bem, a gente tem que entender isso também, que nem sempre as pessoas estão aqui [faz gesto com a mão na altura da cabeça], às vezes, elas estão aqui [faz gesto com a mão na altura do umbigo].”



Mais Notícias