Reportar erro
Corte

Seu Waldemar é demitido de afiliada da Globo após expor nudes de mulher

Apresentador foi desligado do canal

Seu Waldemar
Seu Waldemar deixou a TV Anhanguera - Foto: Reprodução
Naian Lucas, com Gabriel Vaquer

Publicado em 07/12/2020 às 19:00:07

A TV Anhanguera, afiliada da Globo em Goiás, anunciou nesta segunda-feira (7) que demitiu o apresentador do programa No Balaio, Seu Waldemar. Ele filmou as partes íntimas de uma mulher e publicou nas redes sociais, causando a revolta dos seus seguidores. Lázaro Neves, advogado da jovem, afirmou que ela irá tomar medidas judiciais.

“A TV Anhanguera vem a público informar que reprova de forma veemente a publicação do Seu Waldemar, exposta recentemente em seu perfil particular de rede social, deixando claro que tal comportamento injustificável é completamente contrário aos princípios éticos do grupo Jaime Câmara, e por este motivo, o contrato de prestação de serviços com o Seu Waldemar está interrompido”, anunciou o canal em comunicado enviado para a imprensa.

Toda a confusão começou após o humorista publicar nos stories do seu perfil do Instagram um vídeo em que aparece uma jovem nua da cintura para baixo. Enquanto ele fala, a imagem dá zoom nas partes íntimas da moça. Em outra parte da cena, o rosto dela aparece.

Desde a manhã desta segunda, a história passou a repercutir nas redes sociais e o apresentador perdeu seguidores. Com as críticas que recebeu na web, ele optou por desativar os comentários das publicações.

Seu Waldemar será processado, diz advogado

O advogado da moça exposta conversou com o site Mais Goiás e revelou que sua cliente irá procurar a Justiça para que providências sejam tomadas. “Ela nunca esperou que uma situação como esta fosse acontecer”, explicou o defensor. A mulher o processará na esfera cível e penal.

Até o momento, Seu Waldemar não se manifestou sobre a decisão de expor a jovem pelas redes sociais e nem sobre sua demissão da TV Anhanguera. A assessoria do artista informou que um posicionamento deverá sair ainda nesta segunda.

Mais Notícias