Herdeiros

Família de Chespirito se pronuncia sobre fim das exibições de Chaves: "Querem apagá-lo"

Viúva do comediante, Florinda Meza lamentou polêmica e defendeu que série "faz parte do DNA dos latinos"

Família de Chespirito se pronuncia sobre fim das exibições de Chaves:
Florinda Meza, a Dona Florinda, viveu com Chespirito até a morte do comediante, em 2014 - Foto: Reprodução

Publicado em 02/08/2020 às 14:31:00

Por: Redação NT

A viúva de ChespiritoFlorinda Meza, intérprete de Dona Florinda, e os filhos do humorista, Roberto Gómez Fernández e Graciela Gómez, comentaram neste domingo (2) o fim da exibição de Chaves em vários países. Os herdeiros de Roberto Gómez Bolaños se disseram tristes com a decisão e afirmaram que há interesse de terceiros em apagar a história do veterano, que fez história na América Latina.

Conforme apurou o NaTelinha, o Grupo Chespirito, que detém os direitos sobre roteiros escritos pelo comediante, pleiteou um aumento significativo no repasse das séries para a Televisa. Como a rede mexicana recusou o pedido, os herdeiros de Bolaños impuseram o fim dos contratos com emissoras e plataformas de streaming pelo mundo.

"Qual minha opinião sobre deixar de transmitir o programa Chespirito? Ainda que eu não tenha nada a ver porque, inexplicavelmente, eu não fui chamada para as negociações, acredito que justo agora, quando o mundo mais precisa de diversão, fazer isso é uma agressão às pessoas", iniciou Florinda Meza em postagem no Twitter.

Ela argumentou que a decisão vai contra interesses comerciais, já que, neste momento, todos querem ver aquilo que nos faz lembrar de um mundo melhor. A veterana opinou ainda que Chespirito "faz parte do DNA dos latinos", e que estes o carregam em sua memória genética. Tentar eliminar o legado do comediante é uma medida pouco inteligente, segundo Florinda. "É triste ver como, em sua própria casa, em que deu milhões de dólares, é onde menos te valorizam", prosseguiu, em referência à Televisa.

"Nunca pensei que isso iria acontecer, mas pela primeira vez encontrei um motivo para dizer: que bom que meu Rober não está neste mundo! Esse ato incompreensível chuta sua memória e o que ele mais respeitava: o público. Talvez alguns executivos sem visão queiram apagá-lo, mas no coração e na memória dos bons que sempre o seguiram, ele estará mais vivo do que nunca", finalizou a viúva.

Confira a publicação de Florinda Meza:

Filhos de Chespirito também lamentaram fim do acordo com a Televisa

Co-responsáveis pelo Grupo Chespirito, os filhos de Bolaños, Roberto Gómez Fernández e Graciela Gómez, frutos do primeiro casamento do ator e roteirista mexicano, também comentaram a polêmica no Twitter. Eles fizeram coro a Florinda Meza e apontaram o descaso da Televisa em firmar um acordo com os herdeiros.

"Embora triste com a decisão, minha família e eu esperamos que Chespirito esteja em breve nas telas do mundo. Continuaremos insistindo e tenho certeza de que teremos sucesso", afirmou o primogênito do falecido comediante.

Em resposta à publicação do irmão, Graciela também lamentou a medida drástica tomada na última semana. "É uma pena que aqueles que mais se beneficiaram dos programas de Chespirito hoje afirmem que não valem mais nada. Ele deixou para os filhos sua cultura, seu amor, seu exemplo, seu estilo... Essa riqueza não pode ser quantificada. Os interesses econômicos não estão na família", escreveu.

Confira as publicações Roberto Gómez Fernández e Graciela Gómez:


Siga o NaTelinha nas redes sociais

Reportar erro

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!