Reportar erro
Bolsonaro

Mario Frias fala sobre sondagem para substituir Regina Duarte no governo

Apoiador de Bolsonaro, ex-galã da Globo defende manutenção de atriz na Cultura

Mario Frias fala sobre suposta indicação para substituir Regina Duarte no governo Bolsonaro
O ator Mario Frias fala sobre suposta indicação para substituir Regina Duarte no governo Bolsonaro
Paulo Pacheco

Publicado em 06/05/2020 às 18:40:23

Mario Frias comentou a suposta sondagem do governo Bolsonaro para substituir Regina Duarte na Secretaria Especial de Cultura. Segundo a CNN Brasil, o ex-galã da Globo teria sido cotado para ocupar a pasta, porém nesta quarta-feira (6) a permanência da atriz no cargo foi confirmada.

Durante debate com o ator Fúlvio Stefanini, também na CNN Brasil, Frias negou ter sido chamado para conversar sobre um possível cargo na Cultura. Apoiador do presidente, ele afirmou que não recusaria propostas para trabalhar no governo federal, porém defende a manutenção de Regina Duarte na pasta.

"Aqui a gente não foge de responsabilidade, não. Estou com 25 anos de carreira, produzo há mais de 15 anos, muita gente acha que vivo de emissora, de novela, que dependo de alguém, mas não, graças a Deus. Sou produtor há muitos anos. Para o Jair, o que ele precisar eu estou aqui, entendeu?", disse Frias aos jornalistas Reinaldo Gottino e Daniela Lima.

"Torço demais pela Regina, é um ícone para mim, uma pessoa que mexeu no meu coração. Amo você, Regina, sou seu fã! Mas pelo Brasil estou aqui, para o que for preciso não vou correr. Respeito o Jair demais, vejo o Brasil com chances de finalmente ser um país respeitado, digno, honesto, com uma democracia forte e consolidada", prosseguiu o ator, que começou então a elogiar o presidente.

"Vi muita gente falando essa bobagem de AI-5, intervenção militar, colocando isso nas costas do presidente. Ele nunca falou isso, ele não defende isso, por várias vezes já foi a público dizer que defende os Três Poderes. Essa é a minha postura. Estou pronto, estou aqui para fazer o que for preciso", finalizou.

Mais Notícias