Reportar erro
Exclusivo

De volta na CNN, Evaristo Costa diz que saiu da TV para fugir da fama: “Sou livre”

Apresentador tinha planejado se aposentar aos 40 anos

Evaristo Costa
Evaristo Costa é apresentador da CNN Brasil - Foto: NaTelinha

Evaristo Costa participou do lançamento da CNN Brasil na última segunda-feira (9), em São Paulo, e falou sobre a expectativa de estrear pela emissora. O jornalista admitiu que está se sentindo desafiado e revelou que havia decidido se aposentar e viver fora do país em busca de mais liberdade com a sua família, escapando da fama que conquistou ao trabalhar na TV aberta.

Desde que saiu da Globo, o comunicador tinha definido que não trabalharia novamente com televisão, mas mudou de ideia com a chegada do novo canal de jornalismo. “Emocionante, claro. Desafiante, claro também. Eu não tinha mais nenhuma intenção de voltar a trabalhar com televisão, esse era o meu plano”, confessou o apresentador ao NaTelinha.

“Fiz um plano muito jovem para me aposentar com 40 anos. Quando cheguei aos 40 anos – hoje tenho 43 – vai fazer exatamente três anos que parei de trabalhar na televisão, quando cheguei aos 40 anos, fiz os meus cálculos e eu parei de trabalhar, me aposentei e passei a viver de renda.”, explicou.

Âncora do Jornal Hoje até 2017, o jornalista surpreendeu o país ao deixar a Globo. Evaristo alegou que precisava de um período sabático para descansar e conhecer outras plataformas. Ele deixou o Brasil e foi morar na Europa com a família para poder ter maior liberdade.

“Aí fiz uma movimentação na minha vida, com a minha família, pra irmos embora, porque é muito difícil depois que você aparecer na televisão, a fama. Você passa a não ter mais liberdade. Liberdade de fazer a compra da sua casa, de ir ao shopping, de ir ao supermercado, de ir ao parque, de se divertir com a sua família livremente, nenhum momento. Então eu não seria livre aqui, então fiz essa movimentação pra gente viver livre. Livre como? Hoje eu pego trem, pego o metrô, eu não tenho carro, ando de bicicleta na rua com as minhas filhas, participo da reunião da escola sem nenhum interesse dos pais de ‘Ah, é o pai de fulano, é o pai de ciclano’. Não tenho esse interesse e lá eu sou uma pessoa desconhecida. Sou um ser humano normal como todo mundo e essa sensação de liberdade é maravilhosa, é maravilhosa”, explicou.

“A fama prejudica sua vida simples e normal pra todo mundo. De não poder passear com a sua família no parque, né? Isso prejudica um pouco. Tá fora não mais, lá eu sou livre”, ressaltou.

CNN Brasil

De volta na CNN, Evaristo Costa diz que saiu da TV para fugir da fama: “Sou livre”

A CNN chegou ao Brasil com a proposta de contratar grandes nomes e montar uma equipe de primeira para buscar a liderança na área de jornalismo da TV paga. A alta cúpula procurou o apresentador e a primeira reação dele foi negar o convite.

“Quando a CNN começou esse namoro comigo, que faz um ano, eu disse pra eles: ‘Eu não quero’, como falei pra todas as outras emissoras educadamente, porque eu tinha um plano e aceitar uma proposta, de voltar a trabalhar todo dia, de entrar no ar todo dia e voltar a ter aquela adrenalina do hard news, esperar que tá acontecendo uma tragédia microfonado, maquiado, transforma você, deixa seu sangue endurecido nas suas veias e eu tava sentindo isso. Eu tava sentindo que eu precisava ser livre, porque era o que eu queria. Mas aí a CNN me falou: ‘Realmente, a gente não tem nada pra te oferecer, sua vida aqui na Inglaterra tá maravilhosa’. Aí eu falei: ‘Obrigado, vai com Deus, quem sabe um dia a gente se fala’”, continuou.

Apesar de Evaristo ter dito não no primeiro contato, a direção da CNN Brasil continuou conversando com o jornalista e eles procuraram um formato que o fizesse sair da aposentadoria e embarcasse no novo desafio.

“A gente continuou se falando, a gente continuou trocando ideia pra ver como a gente poderia se encaixar. E o que eu acho mais legal é que eu não precisei me encaixar na empresa, a empresa que se encaixou em mim e eu acho isso muito legal, porque a empresa mostrou que valoriza o profissional, mostrou que me prestigia, mostra que confia no meu trabalho e aí foi muito legal a forma que a gente chegou numa conclusão, da nossa parceria”, declarou.

“Então é maravilhoso fazer parte do maior canal de notícias do mundo. Você pode ir pra Tóquio, você pode ir pra Itália, você pode ir pra qualquer lugar do mundo e todo mundo vai saber o que é a CNN. Jornalismo com responsabilidade e é isso que queremos fazer no Brasil e espero que os brasileiros entendam o que estamos fazendo”, elogiou Evaristo a nova emissora.

Jornalismo e a TV Globo

De volta na CNN, Evaristo Costa diz que saiu da TV para fugir da fama: “Sou livre”

Mas, mesmo aposentado, o lado jornalista de Evaristo continuou aflorando e ele assumiu que sempre sonhou em trabalhar na área, tanto que estudou para conquistar todos os seus desejos.

 “O meu sonho, na minha vida toda, eu nasci jornalista, a minha vida toda era ser apresentador de telejornal, os meus trabalhos de escola, quando eu tinha 12, 13, 14 anos, eu apresentava como o Cid Moreira, era sempre um apresentador. Não sabia fazer nada se não fosse como um apresentador. Quando cheguei no processo de escolher uma faculdade, não precisei escolher, porque eu já sabia o que queria fazer. Não tive segunda opção, porque a primeira era a única e era jornalismo”, contou.

Ele aproveitou e elogiou a Globo, detalhando que a emissora lhe deu oportunidades para desenvolver seu talento, podendo estudar e crescer na empresa ao longo dos anos em que trabalhou lá.

“Quando comecei no jornalismo, eu já estava na TV Globo. A TV Globo me deu a possibilidade de continuar estudando, trabalhar ainda como estudante lá em São José dos Campos, a minha terra, Vale do Paraíba. Antes era TV Vale, hoje é TV Vanguarda. E aí fui fazendo minha carreira, fui construindo minha carreira, a TV me transferiu pra São Paulo, trabalhei com a Ana Maria Braga [no Mais Você], depois fui pra previsão do tempo, tive a oportunidade de ser apresentador dos jornais na folga dos apresentadores, depois tive minha cadeira no Jornal Hoje, depois tive a oportunidade de fazer outros telejornais, como o Jornal Nacional, o Fantástico, que me deram mais experiência de vida e me deram notoriedade, visibilidade”, relatou.

Evaristo e a internet

De volta na CNN, Evaristo Costa diz que saiu da TV para fugir da fama: “Sou livre”

Evaristo Costa se tornou um grande influenciador digital e o segredo para o sucesso é conversar diretamente com o público. Na visão do jornalista, a web facilita o contato com as pessoas e ele faz questão de responder aos questionamentos.

“A internet colaborou muito isso. Hoje a internet facilita a visualização das pessoas, então eu percebo que na TV eu tinha um público e quando entrei na internet, que não faz muito tempo, eu passei a ter outro público. Então passei a ser conhecido por dois tipos de público, o que ficou mais difícil pra mim, porque ficou mais difícil ir ao supermercado, fazer minhas coisas porque todo mundo tem celular. Ás vezes você tá dando uma garfada e a pessoa vem. Você coloca a comida na boca e tira foto, né? Porque eu sou assim, eu prefiro atender as pessoas, até porque eu to lá e estou exposto, assim como faço na internet”, falou.

“Se as pessoas escrevem, eu respondo. Até perguntam: ‘É você que responde?’. Sou eu que respondo. ‘É você que posta?’. Sou eu que posto. Minhas redes sociais são comandadas só por mim, não tem ninguém que cuida. Se a pessoa escreve, eu respondo, porque ela quer uma resposta. Eu respondo cinco mil pessoas e isso aproxima também”, finalizou.

O que fará Evaristo Costa na CNN Brasil?

Evaristo Costa retorna às telas nacionais após um afastamento de quase três anos. Desde que saiu da Globo, onde apresentou durante anos o Jornal Hoje, o jornalista foi morar em Londres com a família em 2017. É diretamente dos estúdios da CNN na capital britânica que Evaristo irá comandar uma revista eletrônica, que irá transitar entre o Entretenimento e o Jornalismo.

Mais Notícias