Exclusivo

Nova lista de demissões assusta artistas da Globo

O NaTelinha teve acesso a uma lista de apresentadores, autores e atores que poderão deixar a Globo

Nova lista de demissões assusta artistas da Globo
Montagem NaTelinha

Publicado em 28/08/2019 às 04:00:11

Por: Sandro Nascimento

As demissões ocorridas desde o inicio de 2019 na Globo, envolvendo parte dos profissionais do entretenimento, dramaturgia e jornalismo, vem assustando os artistas da emissora que têm seus contratos vencendo nos próximos meses. A situação ocorre num momento de transição na unificação de todas as empresas do grupo, dentre elas, Som Livre e Globosat, em uma única Globo.

Desde janeiro, nomes como Otaviano Costa, Márcio Canuto, Sérgio Chapelin, Leandro Hassum, Ivan Moré, Fernando Rocha,  Cris Dias, Cininha de Paula, Mariana Ferrão, Felipe Suhre e Bianca Bin deixaram a rede alegando motivos diferentes, como aposentadoria ou falta de projeto, porém, elas estariam acontecendo, principalmente, como consequência deste período de reformulação política interna da empresa e sua nova postura em relação ao mercado de trabalho.

Além desses ex-globais, o NaTelinha apurou que existe uma lista de apresentadores, autores e atores, antes considerados intocáveis, que deixarão o canal até o primeiro semestre de 2020 se não aceitarem as novas normas do grupo. De acordo com fontes ouvidas, alguns artistas estão negociando, inclusive com contratos já vencidos, e outros já foram avisados, informalmente, das novas condições da Globo.

A reportagem teve acesso a uma lista dos profissionais que podem deixar a emissora nos próximos meses. Dentre eles, estão dois nomes do "É de Casa", um veterano autor de novelas, um famoso humorista (cujo contrato já venceu e vem tentando permanecer na casa) duas apresentadoras e três atores considerados do primeiro time. Por critérios editorias, o NaTelinha optou em não nominar quem são eles.

Dentre as novas normas que a Globo vem propondo ao elenco, há alteração do vínculo empregatício de PJ (Pessoa Jurídica) para CLT e uma redução salarial que vem girando em torno de 40%.

Porém, nenhuma pessoa do elenco que possivelmente deixar a Globo por não se adequar a nova realidade ou por não ter previsão de ficar à frente de um novo projeto, estará com as portas fechadas na emissora. Se a saída do global não tiver envolvimento com alguma polêmica, como foi o caso do jornalista Dony De Nuccio, José Mayer e Mauro Naves, eles poderão retornar se apresentarem um projeto e ele for aprovado.

Existe um entendimento, conforme relatos ouvidos, de que diferente do passado, quando o canal contratava profissionais apenas para não migrarem para concorrência, atualmente a emissora não desejar mais permanecer pagando por um elenco ocioso artisticamente.

No caso da dramaturgia, a tendência é que cada vez seus profissionais sejam contratados por produção; isso incluiria autores, atores e diretores. Num momento em que o mercado audiovisual enfrenta uma crise, todas essas incertezas quanto ao futuro dentro da Globo vem assustando parte do seu elenco.

Procurada, a Globo não respondeu à reportagem.

"Uma só Globo"

Em setembro do ano passado, o Grupo Globo lançou o projeto liderado pela diretora Rossana Fontenele, "Uma Só Globo", que será a unificação da Globosat, TV Globo, Globo.com, DGCORP e Som Livre em uma única empresa. O Grupo vem sendo auxiliado pela Accenture, líder mundial em consultoria de tecnologia e transformação empresarial.

"Vamos atuar em duas vertentes ao mesmo tempo: na melhoria e aperfeiçoamento de nossos negócios e atividades atuais e na criação de novos negócios. A partir da nossa visão de futuro, vamos criar objetivos concretos e mensuráveis, que serão trabalhados de forma estruturada por equipes mistas de consultores e profissionais da casa, produzindo soluções a serem imediatamente aplicadas. O programa deve durar três anos", escreveu Jorge Nóbrega, Presidente Executivo do Grupo Globo, num trecho de um comunicado enviado à todos os setores da empresa em 24 de setembro de 2018.


Siga o NaTelinha nas redes sociais

Reportar erro

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!