Reportar erro
Exclusivo

Ator de Um Contra Todos evitou clichês em papel trans: "Não queria cair na piada fácil"

Silvio Guindane explicou o processo de criação da Mãe

Silvio Guindane
Silvio Guindane é a personagem Mãe - Foto: Divulgação
Naian Lucas

Publicado em 03/04/2020 às 07:19:00

Interpretando uma transexual em Um Contra Todos, Silvio Guindane está satisfeito com seu trabalho na série e com o retorno do público. O ator revelou que fugiu dos estereótipos que criam em cima de personagens homossexuais para construir os trejeitos da Mãe, que segue presente na quarta e última temporada da produção lançada na última sexta-feira (27) no Fox Premium.

“O resultado dessa identificação do Mãe com o público brasileiro é a fuga dos estereótipos em si. Na construção eu tive uma preocupação muito grande em não cair nesse lugar, que é muito arriscado e já vimos várias vezes, do gay, do transexual e do homossexual totalmente estereotipado e que foge do real. No caso do Mãe eu fui primeiro para o lugar do sentimento e da situação cênica em que ele se encontrava. No seu corpo ele se sente uma mulher que tem sentimentos maternos, então pesquisei sobre mulheres e entrevistei algumas mães para entender as preocupações que elas tem como mães e a força materna”, explicou em entrevista exclusiva ao NaTelinha.

O ator procurou dialogar e conhecer o universo das pessoas trans, fugindo do lugar comum para dar maior profundidade ao personagem. “Busquei referências e também fiz bastante pesquisa sobre pessoas trans, pois eu não queria cair no lugar de um ator que faz um personagem LGBT e cai na piada fácil ou que os trans não se sentissem representados de uma forma digna”, contou.

“Por isso a emoção e a humanidade dessa personagem passaram totalmente na frente do estereótipo. Os trejeitos, a coisa corporal e o tom de voz foram surgindo muito naturalmente depois que descobri qual ser humano era esse e como que ele se sentia. Automaticamente o personagem foi aparecendo, e que bom que chegou nas pessoas. Esse é o grande barato de fazer esse personagem, mostrar seu lado verdadeiro, humano e fora dos clichês”, acrescentou.

Um Contra Todos e o prestígio internacional

Um Contra Todos: Ator evitou clichês para ser personagem trans: \"Não queria cair na piada fácil\"

Um Contra Todos recebeu duas indicações ao Emmy Internacional na categoria Melhor Série Dramática. Apesar de não ter vencido a principal premiação da televisão mundial, a produção tem feito sucesso no exterior, principalmente no México. Silvio percebeu um tratamento diferenciado por parte dos jornalistas estrangeiros.

“É muito legal a gente perceber o tratamento das pessoas, do público, da imprensa internacional com relação à série. É uma coisa que me fez muito bem e eu fiquei muito feliz. É muito bom conseguir fazer um projeto que é reconhecido dentro do próprio país e quando ele tem uma repercussão internacional é melhor ainda. É um dos projetos que a gente faz que ficam guardados pro resto da vida e da carreira”, admitiu.

Novo público

Um Contra Todos: Ator evitou clichês para ser personagem trans: \"Não queria cair na piada fácil\"

Séries costumam ter público nichado, principalmente quando estão na TV fechada. Na visão de Silvio Guindane, Um Contra Todos terá a oportunidade de conquistar mais fãs com a chegada da produção ao Globoplay, mas elogiou o trabalho feito pela Fox e pelo diretor Breno Silveira.

“Acho que quanto mais a gente expande a oportunidade de chegar ao público, melhor é o projeto. A série Um Contra Todos é um projeto muito bem realizado pela Fox e pela Conspiração, dirigido pelo Breno Silveira, muito bem feito, muito bem construído. Tenho recebido muitas mensagens, e-mails e ligações de pessoas que não conheciam e estão, inclusive, vendo agora nesse momento de quarentena. A quarta temporada é uma ótima pedida que já está no ar, recomendo bastante!”, comentou.

Última temporada de Um Contra Todos

Um Contra Todos estreou a quarta e última temporada há uma semana e Guindane está orgulhoso com o trabalho feito na série. Ele revelou que a reta final da trama manterá o ritmo dos outros episódios, mas agora colocará os personagens no limite da emoção.

“O que eu posso contar da última temporada é que Um Contra Todos vai seguir como nas outras temporadas, com pensamento de que nenhuma ação fica sem consequência. E nos novos episódios isso não fica barato e a série leva o protagonista a situações cada vez mais extremas. Não deixa a desejar nada em relação às outras e o que posso adiantar é que será um acerto de contas total e de todos os personagens, cada um com sua história e com as consequências que o ato de cada um foi gerando. Esse fechamento de ciclo da saga encerra o caminho e destino de cada um em meio a esse mundo cão que eles se colocaram e foram colocados”, concluiu.

Mais Notícias